martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sábado, 17 de julho de 2021

Voto auditável fica para 5 de agosto e esquerdopatas estão à beira de um ataque de nervos

Sábado, 17 de Julho de 2021

“Em acordo com os membros da Comissão da PEC 135, tanto de oposição quanto de situação, firmamos que votaremos o parecer no dia 05/08, impreterivelmente. É o meu compromisso".

Com este tuíte, o deputado federal Paulo Eduardo Martins, presidente da comissão especial que analisa a PEC do voto impresso, colocou um ponto final na guerra que foi travada nesta sexta-feira (16), quando parlamentares de oposição unidos a outros de legendas independentes e mesmo alguns do centrão (em ato de traição ao governo), tentaram ‘tratorar’ a votação e enterrar a proposta, definitivamente.

Os governistas, entretanto, souberam utilizar o regimento com destreza, e coube ao relator da proposta, deputado Filipe Barros, apresentar a alternativa que não poderia ser contestada.

Art. 57, XI, Regimento Interno da Câmara dos Deputados: Se ao voto do relator forem sugeridas alterações, com as quais ele concorde, ser-lhe-á concedido prazo até a reunião seguinte para redação do novo texto. - Sessão do voto impresso adiada. - É um direito do relator.

A esquerda, na realidade, queria encerrar o assunto para fugir da “mega manifestação em favor do voto auditável”, programada para o próximo dia 1º de agosto, que promete levar milhões de brasileiros patriotas às ruas, em centenas de cidades de todo país.

Nesse intervalo de tempo, também está programada a divulgação de diversas entrevistas com especialistas, que irão comprovar a vulnerabilidade das urnas eletrônicas se utilizadas na forma atual.

Serão, portanto, pouco mais de 15 dias de pressão popular, período em que os esquerdopatas devem ficar à beira de um ataque de nervos, quando virem, nas ruas, que o povo quer, sim, o voto auditável.

E se insistirem em peitar a maioria, nem na fraude irão conseguir levar em 2022.


Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055