martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

domingo, 11 de setembro de 2022

O escândalo de Randolfe, a imperdoável gafe da jornalista militante e o resgate dos valores que a esquerda destruiu (veja o vídeo)

Domingo, 11 de Setembro de 2022




Não foi um ato falho. Ela não se confundiu. A fala fez parte de um comentário planejado e revisado, onde ela usava os supostos dizeres da bandeira para criticar o discurso do Presidente.

Eu concordo com o Senador. Os símbolos pátrios são de todos os brasileiros. Mas, se uma "facção política" se "apropriou" destes símbolos é porque a outra "facção", a facção criminosa da qual ele faz parte, sempre os desprezou.

Quando, nas manifestações da esquerda, se via uma bandeira brasileira? No "auge" do "Lulo-Petismo", quando o atual ex-presidiário gozava de amplo apoio popular, o que se via nas ruas era uma multidão de vermelho. Nenhum verde e amarelo.

As poucas vezes que vi as bandeiras brasileiras em "manifestações" esquerdistas, geralmente estavam sendo pisadas ou queimadas.

Não existe socialista com amor à pátria. O nacionalismo, na esquerda, só acontece quando o país já foi completamente "tomado" e os valores nacionais deram lugar aos valores ideológicos que eles defendem; como aconteceu na URSS.

Qualquer pessoa com o mínimo de memória lembra de como os valores pátrios foram atacados incessantemente, durante todo o tempo em que a esquerda esteve no poder. São raros os alunos desta geração, que tiveram praticamente toda a sua formação escolar sob a "tutela" do regime petista, que sabem cantar o hino nacional; quem dirá os demais hinos brasileiros. A situação é tão grave que uma profissional do jornalismo, uma suposta formadora de opinião, sequer sabe o que está escrito na nossa bandeira.

Não, Randolfe, ninguém "sequestrou" o 7 de setembro ou os símbolos do Brasil. Nós apenas resgatamos os valores que vocês sempre fizeram questão de destruir.

Seu "desespero" não é por ver o verde amarelo na mão de uma "facção política"; mas por não ver nenhum vermelho. É por ver milhões de cidadãos de bem, trabalhadores, famílias, defendendo o país de forma orgulhosa. É por ver uma multidão que desmente as pesquisas e torna impossível qualquer tipo de manipulação que vocês venham a pretender.

O Verde e amarelo pertence, sim, a todos os brasileiros. Mas só é usado por aqueles que acreditam e defendem os valores que nos unem como nação: DEUS, PÁTRIA e FAMÍLIA; tudo o que você, e sua "facção" odeiam.

O Brasil é nosso, Randolfe. É do POVO BRASILEIRO. E nossa bandeira jamais será vermelha!

Veja o vídeo:

Foto de Felipe Fiamenghi

Felipe Fiamenghi

O Brasil não é para amadores.


Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055