martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

domingo, 9 de janeiro de 2022

As raposas e as galinhas: uma fábula real (?)

Domingo, 09 de Janeiro de 2022

Já colocando meu filho de 6 anos pra dormir, eis que ele me surge com uma pergunta:

- Pai, o que é esse tal de STF que você e os seus amigos falavam lá na sala. 
Quando eu ia começar a explicar, minha mulher me interrompeu:
- João, pelo amor de Deus, não é? Você não vai querer explicar para uma criança o que é STF, né? Só me faltava essa! Por que é que em vez disso você não conta uma historinha pra ele dormir?

Eu concordei. Boa ideia!

- Quer ouvir uma historinha, filho?
- Quero!
- Ok, então vamos lá... Era uma vez um lugar onde os animais eram obrigados a respeitar uns aos outros. Eles não podiam fazer um montão de coisas, como por exemplo roubar a comida do outro e até mesmo comer o outro. Então, desse jeito, ninguém precisava ter medo de ninguém.

Acontece que várias galinhas estavam sumindo ou aparecendo mortas. Coisa estranha né? E isso estava acontecendo praticamente todo dia. Com tantas reclamações vindas do galinheiro, a Dona coruja, que era a responsável pelas leis da floresta, Imediatamente mandou investigar pra saber quem é que estava fazendo aquilo.

Os bichos responsáveis por investigar foram fazendo suas pesquisas, procuraram daqui, procuraram dali, e então perceberam que algumas raposas estavam bem mais gordas que as outras, e desconfiaram. Pegaram uma que estava bem gordinha, e que por acaso ainda estava com sangue de galinha nas patas. Deram um aperto nela e, em troca de receber um castigo menor, ela acabou falando o nome de todos as raposas que estavam comendo as galinhas e ainda dando pedaços para outros bichos.

Os bichos da investigação então ficaram escondidos perto do galinheiro à noite, só na espreita. Eis que de repente apareceu lá uma raposada, e elas começaram a pegar as galinhas.

Não havia mais dúvida!. Tudo foi testemunhado. Algumas ainda tinham penas presas aos dentes e sangue nas patas Provas é que não faltavam!

Prenderam as raposas, juntaram todas as provas e elas foram a julgamento. No julgamento haviam 11 juízes: O jacaré, a cobra, o coiote, o lince, o tigre, a onça, a jaguatirica, o javali, o lobo, a hiena e a pantera. Todos eles escolhidos pelo leão, que era o rei da floresta... E de um tempo pra cá, estavam todos eles mais gordos também...

Nessa hora meu filho me interrompeu:

- Mas pai... Como é que esses bichos podiam julgar as raposas por comerem galinhas, se todos eles também comem galinhas, inclusive o leão?
- Pois é filho,.. Por isso é que as raposas ficaram soltas e as galinhas continuaram sumindo...

Passando pela porta do quarto e ouvindo a história, minha mulher ficou furiosa. Entrou no quarto e deu um berro:

- João! Caramba! Eu não te falei pra você não falar sobre o STF com o menino? Agora se ele tiver pesadelo a culpa é sua! Como é que você acha que ele vai entender essa história?
- Sei lá... - Disse - Nem nós entendemos... Só queria que ele dormisse logo....

Boa noite, filho! Boa noite raposas! Boa noite bichinhos que julgam! Deixem eu curtir a minha insônia junto com a coruja.

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055