martins em pauta

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Promotor Fausto França volta a coordenar o Gaeco

Segunda, 17 de Julho de 2017

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) tem uma nova equipe desde a posse do procurador geral de Justiça, Eudo Rodrigues Leite. O promotor de Justiça Fausto França, que estava na Promotoria Criminal de São Gonçalo do Amarante, volta a coordenar o Grupo. Fausto, que é promotor público desde 2004 e já foi titular das Promotorias de Campo Grande e de Jucurutu, já havia coordenado o Gaeco entre 2009 e 2011.

Quando coordenou o Gaeco, Fausto França trabalhou na formatação do projeto de criação do GSI e estruturação do próprio Gaeco. Mesmo atuando em Promotorias com atribuições plenas sempre deu ênfase à área de investigações, tendo especialização na matéria pela Uniderp e também em Computação Forense pela UnP, além de cursos de gestão de operações pela Academia Nacional de Polícia e inteligência pela Escola da ABIN.

Ele participou de diversas investigações relativas a homicídios em contexto de conflitos de famílias e de organizações criminosas dedicadas a assaltos, pistolagem e outros crimes na região Oeste do Estado. Desde 2013 vem participando de comissões que investigam organizações criminosas atuantes no sistema penitenciário.

Equipe

A equipe do Gaeco conta com promotores também com conhecido histórico de dedicação, sobretudo na área de investigações. São eles Emanuel Dhayan, que atuará na área de criminalidade violenta; Rafael Galvão, atuante no combate à corrupção e defesa do patrimônio público; e Sílvio Brito, que irá se dedicar a desenvolver a atuação na área de investigações especiais, como crimes cometidos por organizações criminosas em face da infância e juventude, contra as relações de consumo e ordem econômica, dentre outras.

A novidade na equipe é o surgimento de mais um membro. Será o promotor Fábio Melo, que vai coordenar o Gaeco do Oeste, sediado em Mossoró, projeto que representa a busca de capilarizar o Grupo.

Fausto França diz que o Gaeco segue a diretriz MP para todos. “Com isso, evitamos a concentração numa única matéria ou região, realizando esforços para atender ao combate a todos os tipos de organizações criminosas”.

GSI

Além dos promotores de Justiça no Gaeco, o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) conta com uma equipe de policiais militares com atuação reconhecida, terá como coordenador operacional o coronel Marcos Vinícius Silva da Cruz, até recentemente Comandante do BOPE e um dos responsáveis pela estruturação desse grupo no Rio Grande do Norte. Marcos Vinícius é formado em operações especiais pelos carabineiros do Chile, considerado um dos cursos mais difíceis do mundo, sendo instrutor na área de gerenciamento de crises, resgate de reféns, tiro (sniper), dentre outras.

Há outros dois oficiais no GSI. O primeiro é o major Joffrey Peyrac Albuquerque, até então comandante das Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicleta (Rocam). Ele é instrutor de policiamento de Choque e controle de distúrbios e tem trabalho reconhecido como gestor de fontes humanas. O outro oficial é o tenente Daniel Bezerra, que atuava como oficial de inteligência do 8º Batalhão e comandante do Pelotão Turístico de Pipa.


Fonte: Umarizal News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget