martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

terça-feira, 13 de julho de 2021

Cuba: Crise é grave e governo não deve conseguir conter protestos contra o regime comunista, diz professor

 

Terça, 13 de Julho de 2021

Foto: Yander Zamora/Anadolu Agency via Getty Images

Em entrevista à CNN, o professor de Relações Internacionais da UERJ, Maurício Santoro, analisou que a crise que atinge Cuba é tão grave que é “muito difícil que o governo consiga reprimir” as manifestações.

Durante o fim de semana, a população foi às ruas para protestar contra o regime comunista e a crise econômica, em meio ao momento de alta nos números da pandemia.

O professor explicou que o país enfrenta escassez de alimentos, remédios e proteção social. “Chegou num ponto dramático. A economia caiu 10% e não há recursos para gerenciamento de crise”, afirmou.

“Cuba é dependente do turismo internacional e as pessoas não podem viajar durante a pandemia, foi um baque muito forte, aliado à diminuição da remessa de dinheiro enviada por cubanos que moram fora do país e uma safra de cana de açúcar muito ruim”, avaliou.

O presidente cubano, Miguel Diàz-Canel, para Santoro, “falhou no primeiro teste de liderança”. Ele disse que o mandatário não tem a mesma “força histórica” de Raul e Fidel Castro.

CNN Brasil

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. Bota pra torar!!
    Pêia braba nesses comunistas.
    Liberdade é o que interessa pra esse povo reprimido, fora bichos vermelhos sem futuro.
    Quero vê 15 minutos de reportagem no JN sobre a queda desses ditadores.
    Ou vão se esconder???

  2. O ditador de Cuba que a esquerda chama de “governo democrático”, cotou o acesso a todas as redes sociais, nada de whatsapp, facebook, instagran, e-mail, tudo democraticamente bloqueado.
    Já foram presos padres, jornalistas e correspondentes estrangeiros, cinegrafistas e incontáveis manifestantes. As notícias das mortes não chegam devido ao corte nas comunicações.
    O Ditador de Cuba mandou cortar a energia, corte geral e as informações são que muitos morreram nos hospitais por falta de funcionamento dos aparelhos devido a falta de eletricidade. Deve ser um corte elétrico do bem, afinal o PT financiou essa ditadura por anos e anos.
    Mas a esquerda logo via dizer que tudo isso é em nome da “democracia” e o povo que pede liberdade, trabalho e direitos são revolucionários fascistas e inconsequentes. Por enquanto o silêncio da esquerda até o momento é ensurdecedor.
    Que o povo brasileiro esteja testemunhando onde os governos socialistas e comunistas levam seu povo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055