martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sábado, 17 de abril de 2021

‘Parede falsa’ escondia 19 respiradores novos em hospital do Pará, diz funcionária

Sábado, 17 de Abril de 2021

Foto: reprodução/Agência Pará

Uma vistoria feita no Hospital Regional Abelardo Santos, a 20 quilômetros de Belém (PA), descobriu 19 respiradores novos em uma “parede falsa” de uma sala da unidade hospitalar. A descoberta aconteceu durante o processo de troca de gestão da Organização Social de Saúde (OSS) Santa Casa de Misericórdia de Pacaembu, que administrava o hospital, no dia 22 de março.

Uma funcionária do hospital afirmou à CNN que os respiradores estavam atrás de uma ‘parede falsa’ no auditório do prédio e que foi preciso quebrar a parede para terem acesso aos equipamentos. Ela preferiu manter a sua identidade preservada.

“Todo o patrimônio do hospital é contabilizado e esses 19 aparelhos eram registrados, mas estavam desaparecidos. E o setor financeiro da Secretaria Estadual de Saúde estava à procura deles. Porque foi uma compra e eles sabiam. Algumas pessoas muito restritas ficaram sabendo, mas a história foi abafada”, disse.

A instituição, que fica no distrito de Icoaraci, é referência no combate à Covid-19 e atendia exclusivamente pacientes com a doença até o dia 15. O governo do Pará confirmou à CNN a informação sobre os ventiladores e afirmou que uma comissão interna está apurando as razões dos aparelhos não terem sido utilizados até aquele momento.

A Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará nega a informação de uma possível “parede falsa”. Segundo a secretaria, os respiradores foram imediatamente colocados em uso após a realização de uma análise técnica. De acordo com a pasta, o atendimento de pacientes não foi prejudicado. O estado do Pará registra ocupação de 81,3% de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 60,1% de ocupação de leitos de enfermaria no sistema público.

O governo do Pará não informou o valor pago por equipamento e nem a data de aquisição. Procurada, a Santa Casa de Pacaembu ainda não se pronunciou.

Suspeita de desvio

A juíza Marisa Belini de Oliviera, da 3ª Vara da Fazenda de Belém, determinou que R$ 2,18 milhões em dinheiro e imóveis de 11 réus fiquem indisponíveis.

A decisão, proferida no último dia 12, foi tomada após denúncia do Ministério Público do Pará. O governador do Pará, Hélder Barbalho (MDB), integrantes da Casa Civil e da secretaria da Saúde são alvos da decisão.

A ação civil pública investiga suspeita de desvios de dinheiro público no enfrentamento à pandemia no estado. A magistrada, no entanto, indeferiu pedido de afastamento do governador do cargo.

Sobre a decisão, o governo do Pará disse que “a empresa devolveu todo o recurso aos cofres do Estado – e ainda é processada por danos morais coletivos”. A defesa do governador informou que recorreu ao Tribunal de Justiça.

CNN Brasil

Bolsonaro surpreende e deixa implícito qual é o "câncer" do Brasil (veja o vídeo)

Sábado, 17 de Abril de 2021

Na quinta-feira (15), o STF anulou em definitivo as condenações de Lula na Lava-Jato, tornando-o elegível para 2022.

Em sua live, o Presidente Bolsonaro deixou clara sua contrariedade com a decisão e fez várias comparações de seu governo com os 8 anos do governo do ex-condenado.

Só como exemplo, em 8 anos de governo Lula, a Caixa Econômica teve um lucro de 20,5 bilhões de reais, enquanto só no primeiro ano de governo Bolsonaro, o lucro foi superior a 17 bilhões de reais.

Bolsonaro disse que sabe o que fazer para livrar o Brasil do maior câncer que temos hoje e em seguida, disse:

“O próximo Presidente da República poderá indicar dois Ministros para o STF”. 
Daí, conclui-se que o câncer, a que Bolsonaro se referia, é o STF.

A guerra está declarada.

Para fechar a live, Bolsonaro ainda soube que a Ministra Carmem Lúcia deu 5 dias para Arthur Lira informar porque os mais de 100 pedidos de impeachment ainda não foram abertos.

Bolsonaro ainda disse que o povo é quem dita os rumos da Nação.

Confira:

Fonte: Jornal da Cidade Online

PGR dá o troco, age de forma contundente e dá 10 dias para governadores se explicarem (veja o vídeo)

 Sábado, 17 de Abril de 2021

A Procuradoria-Geral da República (PGR) quer que governadores expliquem as discrepâncias entre os números de vacinas distribuídas pelo governo federal e aplicadas pelos estados.

O ofício enviado a todos os governadores na última quinta-feira (15), solicita a prestação de esclarecimentos, no prazo máximo de 10 dias, sobre a diferença entre o número de vacinas enviadas a cada estado pelo governo federal e os números de doses aplicadas, divulgados por cada um deles.

Segundo os dados do Ministério da Saúde, já foram distribuídas aos estados um total de 48 milhões de doses, mas apenas 32 milhões foram aplicadas.

Agora, a PGR quer a explicação, de cada um dos governadores, sobre essa diferença apontada.

Confira:

Fonte: Jornal da Cidade Online

Em cidade administrada pelo PT, entidade usa documento falso e ganha contrato de R$ 370 milhões (veja o vídeo)

Sábado, 17 de Abril de 2021

Para administrar um hospital localizado na cidade de Maricá (RJ), uma Organização Social, com sede em Salvador (BA), utilizou um documento com informações mentirosas, uma fraude.

Em jogo, a gestão de um contrato na ordem de R$ 370 milhões.

Maricá é administrada pelo prefeito Fabiano Horta, do PT.

A tal Organização Social denominada Associação Saúde em Movimento, forjou o documento com o objetivo de demonstrar uma suposta “experiência técnica” no desempenho da atividade de gestão hospitalar.

O documento foi assinado por um médico, identificado como diretor de um hospital em Salvador. Esse médico, no entanto, nunca dirigiu o tal hospital. E, curiosamente, é o responsável técnico da Associação Saúde em Movimento.

O mais interessante é que a prefeitura foi alertada da tramoia por outras entidades participantes do certame licitatório, mas parece ter ignorado o fato.

Veja o vídeo:

“Governadora e Comando Geral tentam tirar foco dos assassinatos de policiais com criminalização do ‘bico'”, diz associação de subtenentes e sargentos

 Sábado, 17 de Abril de 2021

Foto: Magnus Nascimento

A Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN) se posicionou sobre pronunciamentos recentes do comando geral da PMRN e da governadora sobre as mortes de policiais no Rio Grande do Norte ocorridas nos últimos dias.

Após o assassinato do cabo Gustavo Pinheiro de Andrade na semana passada, a governadora Fátima Bezerra comentou o caso e afirmou nas redes sociais que “o cabo estava em uma atividade extra quando foi atingido”.

Em nota, a ASSPMBMRN afirma que os gestores “tentam criar uma cortina de fumaça para tirar o foco das recentes mortes violentas de policiais militares.”

Leia abaixo a nota na íntegra:

As entidades representativas de praças e oficiais da Polícia Militar e Bombeiro Militar do Rio Grande do Norte, por meio de suas diretorias, vêm a público externar posicionamento acerca dos pronunciamentos do comandante geral da PMRN e da governadora que tentam criar uma “cortina de fumaça” para tirar o foco das recentes mortes violentas de policiais militares.

Tem repercutido em toda a imprensa em geral, falas das citadas autoridades tentando justificar as mortes violentas dos policiais militares com o fato de que, supostamente, esses policiais estariam desempenhando atividades extras para complementar a renda familiar, os conhecidos “bicos”.

Pertinente destacarmos que na maioria das ocorrências os profissionais foram alvejados em razão da função que ocupam, sendo identificados como policiais e potencialmente capazes de impedir o cometimento de crimes. Tudo isso em decorrência da falta de prioridade e compromisso do governo em verdadeiramente combater a violência em nosso estado.

Nesse sentido, preocupados, repudiamos veementemente a postura dos representantes governamentais que relativizam, encarando com surpreendente naturalidade os atentados contra os policiais que possuem prerrogativas e o dever legal de agir na defesa da sociedade, mesmo em período de folga. 

Não obstante a necessidade de uma resposta rigorosa aos crimes, a categoria militar estadual há muito espera da sua comandante-chefe respostas efetivas e urgentes para questões como os salários atrasados, a falta de alimentação, as precárias condições de trabalho e o pior salário da segurança pública estadual. 

Enquanto entidades representativas da categoria, continuaremos cobrando e debatendo adoção de medidas na busca de respostas para reversão desse tratamento de omissão e negligência que atinge os policiais militares e bombeiros militares e, por consequência, toda a população do Rio Grande do Norte.


Fonte: Blog do BG

Fátima diz que falta dinheiro para sanitização das escolas estaduais e culpa o Governo Federal

 Sábado, 17 de Abril de 2021

Foto: reprodução

A governadora Fátima Bezerra (PT) cobrou mais recursos federais para a educação para o processo de segurança sanitária das escolas públicas. De acordo com a governadora, os recursos são “hoje insuficientes” e “não atendem às necessidades dos Estados e Municípios”, disse nesta sexta-feira (16), durante o lançamento da Agenda da Aprendizagem 2021-2022, que reúne os temas considerados prioritários pelos gestores da área para o biênio.

Mas na mesma data anunciou que o Governo do RN vai ampliar para R$ 8 milhões os recursos disponíveis para financiar a Lei Câmara Cascudo em 2021. O maior montante aplicado no projeto pelo Estado desde o seu início, há 21 anos. Segundo o Governo do Estado, o dinheiro é oriundo de renúncia fiscal do ICMS de empresas que aderiram ao programa.

É Lamentável que o Governo Federal não tenha assumido a liderança do processo de segurança sanitária nas escolas públicas, à mercê dos recursos obrigatórios, hoje insuficientes, e com um único repasse com foco na pandemia, o PDDE emergencial, que não atende às necessidades dos Estados e Municípios”, disse Fátima.

Enquanto diz faltar dinheiro para Educação, a governadora decidiu abrir o cofre potiguar para os eventos culturais. “Nosso governo tem o compromisso de respeitar os artistas potiguares. Mesmo com todas as dificuldades enfrentadas no contexto da pandemia, sabemos que a Cultura é uma das principais ferramentas para o engrandecimento de um povo. É imensamente gratificante para mim ter sido autora do Projeto de Lei, quando era deputada estadual, que deu o pontapé para a criação da lei que há 21 anos incentiva o setor cultural do Rio Grande do Norte”, disse a governadora.

Com informações do Portal Grande Ponto

Fonte: Blog do BG

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. Dinheiro pra petralhada tem, pra educação não, isso mostra o compromisso dessa professora com os estudantes do RN

  2. A “professora” governadora está condenando milhares de crianças e jovens a um futuro sombrio e sem perspectivas. Maior desigualdade social, crescimento do desemprego e aumento da violência serão os resultados dessa omissão estadual e municipal. Qualquer cidadão com o mínimo de bom senso sabe que a educação é requisito fundamental a uma vida digna. É indefensável uma atitude dessas !!!

    1. Mas p/ eles infelizmente ñ é assim. Só tem o poder se as pessoas foram analfabetas. Quem pensa em um futuro melhor ñ vota nessas criaturas. Ñ entendi como essa mulher chegou ao poder, pq temos que passar por isso. Sei que Carlos Eduardo tbm ñ vale muito, mas entre um e outro ñ dá nem para comentar

  3. Os senadores esquerdistas potiguares foram contea o plano nacional de saneamento basico, como pode d. Fatima falar em politica sanitária? Os uteis Sen.Jean Prates e a sen.Maia votaram fechado com o pt.

  4. Eu queria saber que área do governo, que medida, que necessidade, finalmente, é obrigação do Estado.
    Qual serviço, insumo, atividade tem como responsável maior essa senhora.
    TUDO é responsabilidade de União.
    Falta seringa? Culpa da União. Precisa sanitizar escola estadual? Chama a União. Segurança Pública sem viatura? Também, a União não manda…
    Minha nossa… Que governadora pobre de ideias, de ações, de projetos. Um colosso de mediocridade.

  5. Professores parasitas, peça pra cancelar seu salários ou saia que tem outro, agora dois anos sem trabalhar é foda, você tem filho estudando onde?

  6. A especialidade dessa Governadora Fátima péba é mentir, mentir, mentir. Eu não sei quem tem mau caráter se é ela ou quem a defendem.

    1. Mas esse negócio de mentir é a essência da PeTralhada… e do Zé do Gado também…

  7. Meu Deus, tapa na cara da sociedade , tem dinheiro pra tudo, menos pra sanitização, das escolas, tantos professores comprometidos, mas uns gatos pingados sujam a classe de preguiça, desconta os dias parados , que todos voltam, se for pra NN ao abrir por falta de sanitização, não trabalhava a polícia , os funcionários dos transportes públicos, caminhoneiros agricultores, e etc, a Brasil bom, pra quem não quer prestar, que pena 90%, da classe educacional da prazer de ver, mais 10%, e preguiça pura, só querem ser cano eleitoral, já pensou , e o pessoal da saúde, em plena pandemia, tivessem essa mesma atitude, estávamos todos mortos, mas eles honraram a proficao , e foram a luta, mesmo sabendo que poderiam morrer, parabéns, grandes guerreiros da saúde, Deus abençoe vcs

    1. E pior… não eh esse dinheiro todo… trabalho com licitações e já contratei sanitização a R$ 0.59 o m²…. ou seja… com alguns milhares de reais se faria essa sanitização em todas as escolas do estado.

  8. A boiada imunda é massa de manobra mesmo.
    O blog já é tendencioso e a boiada é acéfala, se completam.

    1. Vá ga BUN do …volte a trabalhar , COVID é malandro , só ataca escolas públicas??? Supermercado, padarias , postos de gasolina etc , deixa de escrever MERDA , VÁ GA BUN DO

    2. Brasil tá precisando se acalmar. Pega leve que Lulinha vem aí, animal.

  9. Governadora, tenha compostura. A senhora, com seus decretos lacradores, destrói a economia do RN e vem com essa estória de falta de dinheiro. O Presidente tem respeitado e ajudado o Rio Grande do Norte como nenhum outro o fez. “Se oriente”, governadora. Deixe de terceirizar suas culpas.

  10. A incompetência chegou ai e ficou. Tudo tem que ser o governo federal, pra que se candidatou se não tinha competência pra gerenciar o estado, pede pra sair.

  11. Essa PARASITA tem resposta pra tudo ,se morreu um policial a culpa é do BICO , se a sociedade querem que voltem as aulas , a parasita diz que não tem como fazer a higienização, ESSA NOJENTA É SINDICALISTA, nunca TRABALHOU NA VIDA , acha que agora vai exigir dos seus pares que trabalhem ??? NUNCA , PTralhas NÃO TRABALHA , pergunte qual o emprego da DEP NATÁLIA BENEVIDES???pergunte a cor da carteira de trabalho pra essa mocinha ?? Ela não sabe ,a comunista que mora em prédio chic e usa iPhone, e na férias não vai para Venezuela, adora FLÓRIDA

    1. Esses bolsonaristas são uns dissimulados mesmo. Todo mundo sabe que GENOCIDA é o Bozo que já está sendo investigado nas esferas internacionais e vem o gado querendo mudar o alvo da acusação. Vergonha alheia total.

    2. Você pode ser patriota de cuba, só se for. Um patriota não vota, nem apoia petralhas.

  12. Oh novidade!!! É muito bom ter quem transferir responsabilidades. Daqui uns dias o STF vai dá 5 dias pra Bolsonaro explicar sobre os 5 milhões dos respiradores. Kkkk🤣🤣🤣

  13. Bora mentir menos! Se vc não eh capaz de organizar uma limpeza com água sanitária nas escolas e comprar álcool gel, peça pra sair ! Ou vc eh muito incompetente ou burra ou quer agradar os professores com essa mentira!

  14. pessoal, não tem condições de voltar as aulas agora. Não é culpa dos professores o fato de vocês terem filho e não terem paciencia pra criar. Não é função de professor ficar arriscando a vida. Antes dessa pandemia NINGUEM se importava com professor aí agora é essencial? Por favor né… se é tão essencial não deveria ganhar tão pouco pra dar aula em 2 ou 3 escolas com condições precárias!

    1. Supermercado, posto de gasolina , padaria etc , nesses estabelecimentos o COVID NÃO EXISTE, desculpa de VÁ GA BUN DO , leia bem VÁ GA BUN DO

    2. Você é professor que não quer trabalhar ?? Bom demais ganhar sem trabalhar, mas aonde você compra o seu vinho ?? Supermercado, padaria , abastece o seu carro em casa …deixa de SER MALANDRO E VOLTE A TRABALHAR VADIO

    3. Brasil já botou o pé em uma escola pública, seja municipal ou estadual, p ver as condições sanitárias? Aposto que não!
      No municipio de Natal, por exemplo, não tem álcool, não tem asg (responsável pela limpeza) nem merendeira. Investimento em segurança sanitária “zero”. Ou seja, tá uma fartura: “fartando tudo”
      Então Brasil digo o seguinte: VAGABUNDO é você!!

    4. Tenha vergonha na cara senhora desgovernadora,peça prá ca… e entrega o cargo dinheiro veio sim e muito só que vocês fizeram mau uso dos recursos sua hora vai chegar a PF véi aí fazer um visitinha tá ok?

    5. tenham mais ‘minino’. Quero ver quem vai me obrigar a voltar sem as devidas condições!

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055