martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sábado, 28 de maio de 2022

Sobe para 35 o número de mortos por chuvas e deslizamentos na Grande Recife

Sábado, 29 de Maio de 2022

Foto: SUMAIA VILLELA/AGÊNCIA BRASIL

Nas últimas 24 horas, 30 pessoas morreram na região do Grande Recife devido às fortes chuvas e deslizamentos de terra causados pelas tempestades. O acréscimo soma-se aos outros cinco óbitos ocorridos na última quarta-feira, totalizando 35 vítimas.

Entre a madrugada da última sexta-feira (27/05) e a manhã deste sábado, no Jardim Monteverde, área limítrofe entre o Recife e Jaboatão dos Guararapes e afetada mais gravemente, 20 pessoas faleceram por causa de um deslizamento de barreira. Seis óbitos foram registrados em Camaragibe, dois no Recife, um em Sítio dos Pintos, e um em Jaboatão dos Guararapes.

A Região Metropolitana do Recife, a Zona da Mata e o Agreste de Pernambuco registraram nas últimas 24 horas precipitações acima de 100 milímetros.

As cidades de Itapissuma e Itaquitinga registraram mais chuva, das 6h da sexta até 6h do sábado, do que o total previsto para todo o mês de maio. Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, São Lourenço da Mata, Igarassu e Abreu e Lima e pelo menos outros 12 municípios registraram precipitações acima de 200 mm nas últimas 24 horas.

O governador Paulo Câmara antecipou a nomeação de 92 novos soldados do Corpo de Bombeiros que iriam tomar posse a partir de 6 de junho, para reforçar o trabalho de socorro às vítimas das chuvas. O governador também solicitou o apoio do Comando Militar do Nordeste com efetivo, embarcações e aeronaves para o serviço de busca e salvamento.

BBC Brasil

Em incrível jogada econômica, Bolsonaro fortalece microempresários e concede importante ajuda

Sábado, 28 de Maio de 2022

O presidente Jair Bolsonaro sancionou o Projeto de Lei 3.188/2021, que que mantém recursos para garantir empréstimos a micro e pequenas empresas por meio do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe).

O texto foi aprovado em definitivo pelo Congresso Nacional no fim de abril.

A norma que agora entra em vigor, adia para 2025 a devolução ao Tesouro Nacional de valores não utilizados de um fundo relativo a empréstimos do Pronampe.

O programa foi criado em maio de 2020 para auxiliar financeiramente os pequenos negócios e, ao mesmo tempo, manter empregos durante a pandemia de covid-19. No ano passado, o Pronampe se tornou uma política pública permanente do governo federal.

A estimativa do governo é garantir pelo menos R$ 50 bilhões em crédito para micro e pequenas empresas com o programa, através do sistema financeiro. A nova rodada do Pronampe vai abranger também microempreendedores individuais (MEIs), que somam cerca de 13 milhões de pessoas.

Somando às mais de 5,5 milhões de micro e pequenas empresas, a nova fase do Pronampe tem o potencial de atender mais de 20 milhões de empresas e microempreendedores, que representam 98% das empresas do país.

Bolsonaro, cara a cara com Biden na Cúpula das Américas, revela como irá proceder

 Sábado, 28 de Maio de 2022

Bolsonaro terá um encontro com o atual presidente norte-americano, Joe Biden, na 9ª Cúpula das Américas, a ser realizada de 6 a 10 de junho, em Los Angeles, nos Estados Unidos.

“Terei uma audiência bilateral com o Biden na Cúpula das Américas para falar do Brasil e do que eu tinha tratado com [Donald] Trump [antecessor de Biden], para continuarmos essa política para o bem de nossos povos”, disse Bolsonaro em discurso durante a 48ª Assembleia Geral Extraordinária da Convenção Nacional das Assembleias de Deus do Ministério de Madureira (Conamad), em Goiânia (GO). 
Bolsonaro acrescentou que, entre os últimos chefes de Estado brasileiros é “o que mais respeita e admira o povo americano”.

Alguns detalhes do encontro entre os dois presidentes foram adiantados em comunicado da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, após reunião entre Bolsonaro e o assessor especial do governo dos Estados Unidos (EUA) para a 9ª Cúpula das Américas, Christopher Dodd, um ex-senador pelo Partido Democrata.

No comunicado, Dodd citou os temas principais que serão discutidos durante o evento e reforçou a importância da presença do Brasil.

“A Cúpula das Américas se concentrará em algumas das questões mais importantes e compartilhadas de todo o hemisfério, como a garantia de que a democracia seja uma realidade para cada país, nossas metas climáticas compartilhadas, uma resposta mais colaborativa à covid-19 e a abordagem mais profunda do crime organizado e da instabilidade econômica.”

Segundo Dodd, o Brasil tem muito a contribuir nestes temas com os demais presidentes dos países das Américas que participarão da Cúpula.

“Valorizamos muito a voz do Brasil enquanto discutimos soluções que ajudarão a construir vidas melhores para as pessoas do nosso hemisfério”, disse.

Fonte: Jornal da Cidade Online 

Em discurso forte, Bolsonaro vai ao confronto de Moraes: "Quem ele pensa que é?" (veja o vídeo)

 Sábado, 28 de Maio de 2022

O presidente Jair Bolsonaro (PL) bateu firme dessa vez e acusou frontalmente o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), de ser “totalmente parcial” na condução de processos e disse que está “esgotando” todas as formas judiciais possíveis contra o magistrado, pois “não há dúvidas” de que ele comete abuso de autoridade.

"Nós estamos esgotando tudo dentro das quatro linhas da Constituição Federal.
Você tem alguma dúvida de que há um abuso de autoridade para comigo? [...] 
Quando a gente pensa que vai resolver, complica a situação”, criticou.
“O que o senhor Alexandre de Moraes quer? Um confronto, uma ruptura? Por que ele ataca tanto a democracia?”, indagou.

O ministro é relator de processos que envolvem o Planalto, como os inquéritos das fakenews e das milícias digitais. 

Bolsonaro também afirmou, ontem, que não desfere ataques e, sim, é alvo deles por parte do Judiciário.

Moraes é vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) — hoje comandado pelo ministro Edson Fachin — e assumirá a presidência da Corte durante as eleições.

“Em outro momento, ele (Moraes) também diz que defende a democracia, e eu, não. Da minha parte, você não vê ataques. 
Agora, desconfiar é um direito meu. Estou num país democrático. Por que o senhor Alexandre de Moraes diz que um candidato que, porventura, duvidar da urna eletrônica terá o registro cassado e será preso? 
Quem ele pensa que é?”, questionou.

O presidente voltou a reclamar que a Corte eleitoral não aceitou as sugestões das Forças Armadas para, supostamente, aumentar a segurança das urnas.

“Está difícil conversar com o TSE. Estou pronto para o diálogo, mas eles não aceitam”, reclamou.

O presidente concluiu dizendo apenas que “democraticamente” espera “eleições limpas”.

Confira:

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

Na Suíça, Paulo Guedes bate o... Punho na mesa!

 Sábado, 28 de Maio de 2022

Nesta quarta-feira (26), o 'super-ministro', Paulo Guedes, falou grosso com os europeus no congresso que reúne as maiores fortunas do mundo em Davos, na Suíça. Durante discurso, o ministro disse que Brasil está designado a ser um gigante de energia.

Ao mesmo tempo, Guedes pontuou que Bélgica e França barram a entrada do Brasil na OCDE por "serem protecionistas". Guedes, disse ainda, no Fórum Econômico Mundial em Davos, que o Brasil está destinado a ser um gigante da energia "limpa e barata".

Para a imprensa, o ministro garantiu que o Brasil deve receber novos investimentos europeus.

"Quinze por cento da nossa energia é eólica e solar e vamos dobrar isso, 65% são de hidrelétrica. Praticamente 80% são energia limpa. Quem vai produzir hidrogênio limpo para a Europa? Porque eles não podem depender do gás natural russo. Nós somos os candidatos, então quem quer produzir energia eólica vem para o Brasil", afirmou o ministro.

Argumentando num tom inédito para o Brasil (historicamente o Brasil só ia para anuir decisões tomadas pelos países de 1º mundo, numa postura de total submissão), Guedes mandou a real para representantes de países como Bélgica e França.

Isso mesmo não tem nada a ver com sustentabilidade ou preservação da Amazônia, mas sim um medo terrível que os produtos agrícolas brasileiros inviabilizem o caríssimo, ultrapassado e subsidiado agronegócio francês & belga.

A HIPOCRISIA DO 1º MUNDO SOBRE A PRESERVAÇÃO AMBIENTAL.

 

A verdade é que o Brasil tem 66% do nosso gigantesco território preservado – só essa marca é incomparável com qualquer país de porte médio ou grande. A Amazônia brasileira – uma área maior que Alemanha, França e Espanha somadas – tem 84% da sua vegetação preservada do jeito que estava quando Pedro  Alvarez Cabral desembarcou no Brasil em 1500. Outro dado sem precedente no planeta, 65% energia elétrica vem de fontes renováveis.

Enquanto isso toda Europa Ocidental está reativando usinas movidas a carvão, a modalidade mais poluente de geração de energia. Ao mesmo tempo que  rola esse mimimi ambiental vocalizado pela adolescente Greta Thunberg, o fraco presidente Emmanuel Macron e o ‘amigo da Anitta’, Leonardo di Caprio criticando o Brasil, na vila de Lützerath, no Estado da Renânia do Norte-Vestfália, o coração industrial da Alemanha, o ‘ecológico’ governo alemão, destrói uma floresta de 12 mil anos e vilarejos para extração de carvão.

Tem jeito de ser mais hipócrita do que isso?

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

A afirmação de Bolsonaro que chocou o Brasil e trouxe grave revelação à tona (veja o vídeo)

Sábado, 28 de Maio de 2022

O corte de 30% do fornecimento de gás natural ao Brasil, pela empresa estatal boliviana YPFB, anunciado no último sábado (21), está causando preocupação ao governo brasileiro.

Para Jair Bolsonaro, a decisão, em descumprimento a um contrato, e justamente em um momento de crise internacional no setor energético, com altas constantes de preços de gás e combustíveis em todo o mundo, pode ter sofrido influência externa, com fins políticos.

“A Bolívia cortou 30% do nosso gás, para entregar para a Argentina. 
Como agiu a Petrobras nessa questão, parece que é tudo orquestrado.
O gás, se tivermos que comprar de outro local, é 5 vezes mais caro. Quem vai pagar a conta? E quem vai ser o responsável? É um negócio que parece orquestrado para favorecer você sabe quem”, disse o presidente, em sua tradicional conversa com apoiadores no cercadinho do Palácio do Alvorada 
O governo da Bolívia cortou o equivalente a 7 milhões de metros cúbicos de gás ao dia, sob justificativa de que o produto foi redirecionado para a Argentina, em função do frio que atinge o país.

Mas o acordo entre a YPFB e a Petrobras é de fornecimento de 20 milhões de metros cúbicos/dia. Sem o produto, a empresa brasileira tem comprado volumes adicionais de gás liquefeito, o GNL, que, como ressaltou Bolsonaro é muito mais caro.

A Petrobras busca resolver a questão com o governo boliviano e, se necessário, utilizará medidas judiciais para que o contrato seja cumprido.

O Brasil produz pouco mais de 70% do gás natural demandado internamente, o que nos torna parcialmente dependentes do gás boliviano.

O produto é enviado por um gasoduto de 3150 km que liga os dois países, cuja obra, quase toda bancada pelo governo brasileiro, entre 1997 e 2010, custou US$ 2 bilhões.

Foi o atual presidente da Bolívia, o economista Luis Arce, braço direito e ministro das Finanças e da Economia do governo de Evo Morales na Bolívia, entre 2006 e 2019, o responsável pelas negociações a alterações de acordos de fornecimento com os governos brasileiros, sob o comando de Lula e Dilma, respectivamente, e com os quais ainda mantém estreita relação.

Daí, a análise certeira de Bolsonaro de uma possível ação orquestrada para prejudicar o Brasil e atingir politicamente o seu governo, às vésperas das eleições.

Confira, no vídeo abaixo, o que disse Bolsonaro.

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

AO VIVO: Fraude do PT desmascarada? / Bolsonaro ‘encara’ Moraes (veja o vídeo)

 Sábado, 28 de Maio de 2022

A pesquisa do DataFolha, que colocou Lula com 48% dos votos custou R$ 420 mil, cerca de 10x mais do que as pesquisas dos outros institutos, afirma especialista. O que há por trás disso?

Para falar sobre esses e outros assuntos, o Jornal da Noite recebe os jornalistas Alfredo Bessow e Elisa Robson. 

O ministro Moraes afirmou que a internet estava dando voz aos imbecis. Durante um evento, o presidente Bolsonaro deu uma resposta à altura...

E a extrema esquerda avança na América Latina. Nesse cenário, o Brasil parece ser a última fronteira de resistência ao comunismo.

Termine o dia bem informado com o Jornal da Noite!

Assista, compartilhe, contribua para que o Jornal da Cidade Online continue a ser a sua voz. 

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

Jornalista da Folha tem reação inusitada ao ver frase acachapante de Ricardo Salles

 Sábado, 28 de Maio de 2022

A jornalista Monica Bergamo, da Folha de S.Paulo, compartilhou um tuite do ex-ministro Ricardo Salles que dizia o seguinte:

"A diferença entre IBOPE e BOPE: o primeiro, faz crescer a quantidade de eleitores do barba. O segundo, reduz."

A intenção da jornalista – que já disse sentir saudades de andar no elevador junto com o presidente Lula – era constranger o pré-candidato Ricardo Salles (PL).

Mas, a exemplo do seu colega Ricardo Noblat que vive tomando invertida no Twitter, o mesmo aconteceu com Monica.

Veja os comentários dos internautas:

"Oi 'jornalista' eu concordo plenamente com o ministro. IBOPE, aumenta os eleitores do bandido enquanto o BOPE reduz. 
Aliás eu estou fechado com o segundo. Aquele abraço."

Outro tuiteiro disse:

"PT sempre vence as eleições nas penitenciárias.
Fato.
Então ele falou a verdade.
Bom, contra fatos não há argumentos..."

Mônica Bergamo não esperava por essa...

Fonte: Jornal da Cidade Online

Que vergonha, Datafolha!

 Sábado, 28 de Maio de 2022

“Nunca se mente tanto como antes das eleições, durante uma guerra e depois de uma caçada”. (Otto Von Bismarck).

Nesta quinta, os jornais de todo país, atrelados ao “Consórcio de Imprensa”, estamparam manchetes desse tipo:

- Datafolha: Lula tem 48% no primeiro turno, contra 27% de Bolsonaro! 
Os “canhotas” de todos os matizes comemoraram e soltaram foguetes, afirmando que já venceram as eleições.

Rapidamente as TVs abertas e fechadas repercutiram os dados do Datafolha.

A GloboNews e a CNN passaram toda programação repetindo a pesquisa, fazendo mesas redondas e explicando porque a eleição já havia terminado.

“Os Especialistas” decretaram que falta apena Lula receber a faixa presidencial.

Segundo esses jornais, a pesquisa Datafolha ouviu 2.556 pessoas nos dias 25 e 26 de maio em 181 cidades brasileiras. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos.

Lembrando aos brasileiros que o país tem 5.570 (cinco mil, quinhentas e setenta cidades). E 17 cidades brasileiras têm mais de 1 milhão de habitantes. São Paulo é a única que têm mais de 10 milhões de moradores.

A tal pesquisa ouviu moradores de 181 cidades e 2.556 pessoas dessas cidades. Isto significa que a pesquisa ouviu 14 eleitores de cada uma das 181 cidades. Para achar esse número basta dividir: 2.556 (número de pessoas consultadas) por 181 (número de municípios). Ficando assim:  2.556÷181= 14,121 eleitores.

Sim, amigos, 14 eleitores foram perguntados em cada uma dessas 181 cidades! 14 cidadãos! Sobrando exatamente 5.387 cidades onde nenhum eleitor foi perguntado.

Façamos uma rápida simulação: Digamos que uma dessas cidades da pesquisa Datafolha tenha apenas 5 mil eleitores e apenas 14 pessoas foram consultadas sobre eleições nessa cidade, sobrando para dar opiniões 4.986 eleitores. É possível que alguém, em sã consciência, diga que a opinião dessas 14 pessoas é a opinião de 5 mil eleitores da cidade?

Isso não serve como pesquisa nem para padaria do bairro de uma dessas cidades!

E o Datafolha ainda afirma que Lula vence em todos os cenários e em todas as categorias. Um espanto!

Um país que tem 5.570 cidades, algumas com 10 milhões habitantes (São Paulo), outras 17 cidades com mais de 1 milhão de habitantes, outras 200 grandes cidades, cuja a menor entre essas 200 cidades (Jaú - SP) tem 141 mil habitantes e o Datafolha e seus especialistas consultam 14 pessoas em 181 cidades e dizem que Lula já ganhou a eleição, é muita cara-de-pau, muita petulância, falta de caráter, desonestidade intelectual ou uma grande perda de tempo.

Só pra chatear, trago a vocês, a pesquisa do mesmo Datafolha, datada de 28 de setembro de 2018, faltando poucos dias para a eleição presidencial. O site UOL, berrava em sua manchete:

Datafolha: Bolsonaro perde todos os cenários de 2º turno; Ciro vence Haddad” - Do UOL, em São Paulo: 28/09/201821h24.

“O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, ficou atrás em todas as simulações de segundo turno feitas pelo Datafolha em pesquisa divulgada nesta sexta-feira (28).

Ciro é o único que vence em todas as simulações em que aparece. Além de Bolsonaro, ele supera Haddad e Alckmin. Marina não foi incluída nos cenários da pesquisa de hoje.

Veja abaixo as simulações de segundo turno mostradas pelo Datafolha:

Haddad x Bolsonaro: Haddad: 45% - Bolsonaro: 39%.
Alckmin x Bolsonaro: Alckmin 45% -  Bolsonaro: 38%.
Ciro x Bolsonaro: Ciro 48% - Bolsonaro 38%.
Haddad x Alckmin: Haddad 39% - Alckmin 39%.
Ciro x Alckmin: Ciro 42% - Alckmin 36%.
Ciro x Haddad: Ciro 41% - Haddad 35%.

No primeiro turno, segundo o Datafolha, Bolsonaro tem 28% das intenções de voto, seguido por Haddad (22%), Ciro (11%), Alckmin (10%) e Marina (5%). A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

O Datafolha entrevistou 9 mil eleitores em 343 municípios entre os dias 26 e 28 de setembro. A pesquisa foi contratada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S. Paulo" e registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com o número BR-08687/2018.

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Segundo o Datafolha, isto significa que, considerando a margem de erro, a chance do resultado retratar a realidade é de 95%”.

Errou tudo e não acertou nada. Confira o resultado da patacoada:

- Bolsonaro venceu no primeiro turno com 46% dos votos válidos, e Haddad, com 29%, foram ao segundo turno.

No segundo turno:

- Bolsonaro obteve 55,13% dos votos válidos; seu adversário, Fernando Haddad (PT) ficou com 44,87%.

Bolsonaro foi eleito com 57,7 milhões de votos em 2018.

Este ano se repete a mesma tentativa espúria do jornal em influenciar o resultado das eleições através de seu instituto de pesquisas.

Que vergonha Datafolha!

Foto de Carlos Sampaio

Carlos Sampaio

Professor. Pós-graduação em “Língua Portuguesa com Ênfase em Produção Textual”. Universidade Federal do Amazonas (UFAM)

'Efeito Palocci'? Pesquisa eleitoral que mostra ex-presidiário em primeiro custou "até dez vezes mais" (veja o vídeo)

Sábado, 28 de Maio de 2022






O valor pago pelo levantamento, até dez vezes mais alto do que o cobrado pelos demais institutos:

A pesquisa do Datafolha custou 420 mil reais. A pesquisa da XP é 40 mil reais, a da Quaest é cerca de 150 mil reais. Essa do Datafolha, mais de 400 mil reais pra fazer uma entrevista? Ela falou com 2 mil e 500 pessoas.
O que me leva a crer, quando faço uma junção, em uma das delações do Palocci, que ele falou em alto e bom som que ‘o PT pagava propinas para darem o resultado que a gente queria’.
Se você tem um produto que custa 40 mil e outro que custa 400 mil, que é o mesmo produto, com a mesma metodologia, me leva a crer que esse dinheiro é fácil, de alguma forma. Está saindo do bolso de 215 milhões de brasileiros que anos atrás deixaram de ter acesso a esse dinheiro por causa dos desvios e da corrupção e hoje está sendo usado para as pesquisas.
A pesquisa que coloca o Lula com 48% custar dez vezes mais do que a pesquisa tradicional, tem muita evidência de que tem muita coisa errada no meio do caminho 
Márcio Furtado se refere à delação premiada do ex-ministro de Lula, Antonio Palocci, à Polícia Federal, em 2019.

Segundo ele, a empreiteira Andrade Gutierrez bancou pesquisas eleitorais para o PT em 2010, quando Lula decidiu que Dilma Rousseff disputaria as eleições para sucedê-lo no Palácio do Planalto.

Palocci, que foi o coordenador de campanha de Dilma, afirmou que o esquema se estendeu até 2012 e fraudava o resultado das pesquisas realizadas pelo instituto Vox Populi.

"As pesquisas que não eram favoráveis ao PT eram mantidas sigilosas, ao passo que pesquisas favoráveis eram amplamente divulgadas ao público", disse o ex-ministro à PF.

O esquema também foi confirmado pelo ex-presidente da empreiteira, Otávio Azevedo, também em delação, que revelou o pagamento de R$ 11 milhões ao instituto.

Tanto Lula quanto Dilma, claro, negam!

Assista:

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

Aneel mantém bandeira tarifária verde para junho; Contas de luz ficam sem cobrança extra no próximo mês

Sábado, 28 de Maio de 2022

Foto: Vladyslav Dukhin (via Pexels)

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu acionar a bandeira verde no mês de junho para todos os consumidores conectados ao Sistema Interligado Nacional (SIN). De acordo com a agência, dessa forma, não haverá cobrança extra na conta de luz no próximo mês.

É o segundo anúncio de bandeira verde realizado pela Aneel desde o fim da Bandeira Escassez Hídrica, que durou de setembro de 2021 até meados de abril deste ano. Em maio, a agência já havia acionado a bandeira verde. Segundo a Aneel, na ocasião, a bandeira verde foi escolhida devido às condições favoráveis de geração de energia.

Bandeiras Tarifárias

Criadas em 2015 pela Aneel, as bandeiras tarifárias refletem os custos variáveis da geração de energia elétrica. Divididas em níveis, as bandeiras indicam quanto está custando para o SIN gerar a energia usada nas casas, em estabelecimentos comerciais e nas indústrias.

Quando a conta de luz é calculada pela bandeira verde, significa que a conta não sofre qualquer acréscimo. Quando são aplicadas as bandeiras vermelha ou amarela, a conta sofre um acréscimos, que variam de R$ 1,874 por 100 quilowatt-hora (kWh) consumido a 9,492 por 100 kWh.

O Sistema Interligado Nacional é dividido em quatro subsistemas: Sudeste/Centro-Oeste, Sul, Nordeste e Norte. Praticamente todo o país é coberto pelo SIN. A exceção são algumas partes de estados da Região Norte e de Mato Grosso, além de todo o estado de Roraima. Atualmente, há 212 localidades isoladas do SIN, nas quais o consumo é baixo e representa menos de 1% da carga total do país. A demanda por energia nessas regiões é suprida, principalmente, por térmicas a óleo diesel.

Agência Brasil

Chuva alaga avenidas e Defesa Civil é acionada após abertura de cratera em Natal

Sábado, 28 de Maio de 2022

Van para ao tentar cruzar alagamento na avenida Coronel Estevam, em Natal. — Foto: Vinícius Marinho/Inter TV Cabugi

A chuva que caiu entre a noite de sexta (27) e a manhã deste sábado (28) em Natal causou alagamentos em ruas e avenidas da cidade. A Defesa Civil foi acionada após a abertura de uma cratera na avenida Lima e Silva.

Vídeos registrados por moradores da cidade mostram alagamentos na avenida Nevaldo Rocha (antiga Bernardo Vieira), e na avenida Coronel Estevam, na manhã deste sábado (28).

Uma van que tentou passar por um ponto de alagamento na avenida Coronel Estevam, próximo ao cruzamento com a avenida Antônio Basílio, ficou no meio do caminho. A cena foi flagrada pela equipe de reportagem da Inter TV Cabugi.

Cratera derruba banco e deixa raiz de árvore exposta na avenida Lima e Silva, em Natal. — Foto: Defesa Civil de Natal/Cedida

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. Os mesmos q chamam o prefeito de “chibata” são os mesmos q jogam lixo nas ruas, fazem ligações de esgoto clandestinas, etc!!!! Cambada de Hipócritas

    1. Verdade. Há 25 anos morando em Natal, nenhum prefeito chibata solucionou esse problema.

  2. Essa Defesa Civil é uma piada! Não adianta intervir quando o estrago já aconteceu. Tem que prever antes do estrago acontecer.

TRAGÉDIA: Chega a 33 o total de mortos pelas chuvas na Grande Recife; 28 só neste sábado

Sábado, 28 de Maio de 2022

Foto: reprodução/whatsapp

Pelo menos 28 mortes em deslizamentos de barreira foram confirmadas no Grande Recife neste sábado (28). Com isso, chega a 33 o número total de óbitos devido às fortes chuvas que atingem a Região Metropolitana e a Zona da Mata desde segunda-feira (23).

No Recife, além de uma morte no Córrego do Jenipapo e outra no Sítio dos Pintos, outras 20 pessoas morreram devido a um deslizamento de terra na comunidade Jardim Monte Verde, no bairro do Ibura, na Zona Sul da capital pernambucana.

Em Camaragibe, no Grande Recife, três pessoas morreram após um deslizamento de barreira na manhã deste sábado (28). Os nomes e as idades das 22 vítimas não foram divulgados até a última atualização desta reportagem.

Com informações do G1

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. Pesso aos nossos vereadores e empresários da construção civil, que quando falarem de reforma dos planos diretores, lembrem-se das consequências.

  2. Fonte: Jornal da Cidade Online

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055