martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sábado, 27 de novembro de 2021

Polícia Militar apreende mais de 50kg de drogas na Zona Oeste de Natal

 Sábado, 27 de Novembro de 2021

Foto: PMRN/cedida

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte apreendeu mais de 50 kg de drogas, em uma área de morro do bairro Cidade Nova, na Zona Oeste de Natal, durante a manhã deste sábado (27).

De acordo com a PM, a apreensão foi feita pela equipe da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam), após denúncias de tráfico de drogas na região. Na carga, foram identificados 51 tabletes de porte médio e 20 porções menores de maconha.

Todo o material apreendido foi conduzido para a Delegacia de Plantão para realização dos procedimentos cabíveis.


Fonte: Blog do BG

João Doria vence prévias e é escolhido como candidato do PSDB à Presidência em 2022

 Sábado, 28 de Novembro de 2021

Foto: Sérgio Lima/Poder 360

O governador de São Paulo, João Doria, venceu as prévias e foi escolhido, neste sábado (27), como candidato do PSDB para concorrer à Presidência da República nas eleições de 2022.

Doria supera Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul, e Arthur Virgílio, ex-prefeito de Manaus, após intensa e tumultuada disputa interna

A votação, que foi aberta novamente nesse sábado por meio de um novo aplicativo, acontece após um provável ataque hacker que o partido foi alvo no último domingo (21), quando as prévias foram suspensas após erros no primeiro sistema utilizado pela sigla.

Com informações de CNN Brasil


A covardia de O Globo, que chama um herói de "assassino" e passa pano em criminosos

Sábado, 27 de Novembro de 2021

Se tem uma coisa que o jornal O GLOBO não economiza é "fakenews":

Em reportagem publicada ontem, eles já começam mentindo na manchete:

“Trump se reúne com assassino de ativistas antirracistas nos EUA: 'Bom garoto'”.

O jovem em questão Kyke Rittenhouse que O GLOBO faz questão de destacar que é branco, matou sim dois arruaceiros que o estavam espancando com um turba de mais de 100 pessoas que o ameaçavam linchá-lo. A razão da fúria é porque Kyle os havia impedido de saquear e incendiar um posto de gasolina e uma loja de conveniência de um amigo, ao qual ele protegia.

Segundo O GLOBO, o jovem Kyle Rittenhouse (de 17 anos à época) foi acusado de “matar a tiros dois ativistas do movimento Black Live Matters e ferir um terceiro durante protesto antirracismo na cidade de Kenosha no ano passado”.

Mas quem eram esses ‘ativistas’ que ele matou?

Vamos aos fatos: A primeira vítima, Joseph Rosenbaum havia tentado suicídio horas antes da manifestação. Ele saiu do hospital e foi direto para uma manifestação onde era certo que haveria violência. Ou seja, Joseph estava querendo confusão e encontrou.

Ele tinha acusações pendentes em Wisconsin por violência doméstica e havia um mandato de prisão contra ele. Em dezembro de 2002, um tribunal do condado de Pima, Arizona, sentenciou Joseph Rosenbaum a uma década de prisão por acusações de abuso sexual infantil – sim o falecido era um pedófilo condenado.

Ele passou pouco mais de 14 anos na prisão, onde cometeu dezenas de infrações disciplinares, mostram os registros do estado.

PÁ DE CAL NA NARRATIVA.

Mesmo depois de Rittenhouse fuzilar Rosenbaum, o segundo agressor Anthony Huber, de 26 anos, não se intimidou e perseguiu o adolescente, o atingindo com um skate na cabeça. Quem persegue um cara com um AR-15 segundos depois dele ter atirado em alguém?

Rittenhouse então atirou fatalmente em Huber uma vez no peito.

Anthony Huber era natural de Kenosha e tinha seis irmãos. Os documentos do tribunal de Wisconsin mostram que Huber foi condenado por violência doméstica e conduta desordeira em 2018. Ele também cumpriu pena na prisão em 2012 por sufocar o próprio irmão.

Numa inversão total de valores O GLOBO aponta como ‘assassino’ que se juntou a ‘milicias armadas’ um jovem que acaba de ser absolvido e aponta como ‘pacificos manifestantes’ elementos com longa ficha criminal, um deles condenado por pedofilia.

E, para jogar a pá de cal nessa narrativa, os protestos em Kenosha ocorriam supostamente contra o racismo da policia que atirou sete vezes nas costas de um homem negro chamado Jacob Blake, e sim, isso realmente ocorreu.

No dia 23 de agosto de 2020 a polícia local foi chamada por que estava acontecendo um caso de violência doméstica contra uma mulher. O agressor, Jacob Blake, também tinha tomado as chaves do carro da companheira e se recusava a devolver mesmo com a presença da polícia.

Quando passaram um rádio para a Central os policiais foram informados de que já havia um mandado de prisão pendente contra Jacob em razão de um estupro.

Infelizmente, o elemento também ouviu o diálogo e tentou adentrar o carro que ele estava furtando e empreender fuga.

Os policiais dispararam por se tratar de um contraventor recorrente.

Quando você se envereda pela vida do crime e comente estupros, pedofilia e participa de saques, ser baleado é um risco inerente à sua atividade.

Só O GLOBO parece não saber disso.

Vocês contam ou eu conto?


Fonte: Jornal da Cidade Online

Projeto de Lei pretende impedir a realização da “farra carnavalesca” em todo o Brasil

Sábado, 27 de Novembro de 2021

Os verdadeiros ‘negacionistas’ se articulam para a realização de uma grande festa carnavalesca, nos moldes daquela de 2020.

Só pensam em dinheiro. Nenhuma preocupação com a saúde da população.

Uma emissora de televisão, que chegou a ser contra a realização da Copa América, porque a transmissão era da concorrente, agora comanda a movimentação.

A estratégia é bem clara: “Vamos faturar, que a saúde a gente vê depois...”.

Contra essa irresponsável algazarra, um deputado federal de Pernambuco propôs no decorrer desta semana um Projeto de Lei para impedir a realização do evento devido à pandemia de Covid-19.

O deputado Francisco Eurico da Silva, o pastor Eurico, explicou o motivo de sua iniciativa:

“Cancelar a celebração do Carnaval em todo o país é uma medida sensata para evitar possíveis curvas invisíveis de contágio e o surgimento de novas variantes do vírus. Não podemos esmorecer agora, no final desta guerra, e permitir que a população de todo o Brasil seja exposta a esse risco”.

O objetivo é efetivamente proibir a realização de “quaisquer festas, blocos carnavalescos ou eventos de pré-Carnaval, em ambientes abertos ou fechados, promovidos por iniciativa pública ou privada” durante o ano de 2022.

Perfeito o deputado.

Permitir essa algazarra é uma insensatez.

Abaixo o negacionismo.

Fonte: Jornal da Cidade Online

Bolsonaro explica como a oposição tenta inviabilizar auxílio de R$ 400 reais para a população carente (veja o vídeo)

 Domingo, 28 de Novembro de 2021

A decisão do Supremo Tribunal Federal pelo pagamento de quase R$ 100 bilhões de reais em precatórios pode fazer parte de uma ação coordenada e alinhada pelos partidos de oposição para tentar inviabilizar o governo Bolsonaro politicamente, às vésperas de uma eleição.

Essa é a conclusão, após ouvir a resposta do presidente da República em questionamento feito pelo jornalista Luis Ernesto Lacombe, durante entrevista exclusiva levada ao ar na Rede TV, nesta quinta-feira (25).

Para Jair Bolsonaro, obrigar o pagamento da dívida (que já se arrastava há décadas), justamente neste momento de sua gestão à frente do Palácio do Planalto, é o único empecilho para que seja possível aumentar o valor do antigo Bolsa Família, ainda em R$ 192,00, para os R$ 400,00 do novo Auxílio Brasil, cuja previsão é beneficiar até 20 milhões de brasileiros.

A expectativa para mudar o cenário está na aprovação da PEC dos Precatórios, a proposta de emenda constitucional que empurra e parcela os pagamentos para datas futuras, liberando espaço no orçamento para atender a população carente, que aguarda ansiosa pela ajuda financeira.

A PEC foi aprovada na Câmara e aguarda análise no Senado Federal.

“O senhor acha que estes precatórios todos, neste volume, que chega a mais de 90 bilhões, foi proposital, acha que eles anteciparam sentenças para o governo tivesse esse mundo de dinheiro para pagar”?, perguntou Lacombe.
“Seria ingênuo dizer que não e tá na cara que foi para inviabilizar. Agora estamos buscando alternativas e contamos o apoio de ministros do Supremo, com o apoio do Tribunal de Contas da União. Tá lá no Senado, espero que seja aprovado”, disse Bolsonaro
“A grande mídia, aquela parte que está o tempo todo batendo em mim, faz um estardalhaço com pessoas pegando ossos no caminhão, e realmente é uma cena triste, mas quando quero aumentar dentro do teto e com responsabilidade, essa grande mídia me acusa de querer fazer demagogia e um plano eleitoreiro. Olha, quem ganha 192 por mês e passa para 400, é um alento. Não é um plano eleitoreiro, mas para não deixar morrer de fome”, completou o presidente.

Ninguém mais precisa dizer o que todos já sabem, pois foi o próprio Zé Dirceu que avisou: A esquerda quer tomar o poder, o que é diferente de ganhar uma eleição.

E, para tanto, utiliza-se de todos os meios e ‘parceiros poderosos’, ainda que o lado fraco, o povo, continue sofrendo. O culpado, claro, será sempre Bolsonaro!

Veja o vídeo:

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

AO VIVO: PF reabre caso Adélio / EUA em alerta máximo / Fux ‘ataca’ PEC da Bengala (veja o vídeo)

Sábado, 27 de Novembro de 2021

No Jornal da Noite de hoje, dois grandes analistas políticos: os jornalistas Alfredo Bessow e Diogo Forjaz.

Você não pode perder!

A Polícia Federal reabriu o inquérito sobre a facada no então candidato à presidente e irá analisar o celular do advogado de Adélio Bispo. Será que vamos finalmente descobrir quem mandou matar Jair Bolsonaro?

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Luiz Fux, disse que a PEC que revoga a PEC da Bengala fere a harmonia entre os Poderes.

Tambores de guerra: A Rússia pode estar se preparando para invadir a Ucrânia!

Termine o dia bem informado com o Jornal da Noite!

Assista, compartilhe, contribua para que o Jornal da Cidade Online continue a ser a sua voz.

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

Novas obras de transposição levarão água a mais 2 milhões de nordestinos, após 50 anos de espera (veja o vídeo)

 Sábado, 27 de Novembro de 2021

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, anunciou uma nova rodada de investimentos e obras que darão sequência à transposição do rio São Francisco, ampliando o acesso à água em dois estados do Nordeste.

Marinho prestou contas pessoalmente ao presidente Jair Bolsonaro, durante live realizada na noite desta quinta-feira (25)

“Finalmente resolvemos a situação de Crateús (no Sertão do Ceará). A obra começou em 2014. Serão investidos mais de 600 milhões de reais para (transpor) mais de 480 milhões de metros cúbicos de água, as obras vão começar agora no dia 12 de dezembro e vamos mostrar pra população do Ceará o seu compromisso com relação à segurança hídrica, disse Marinho, citando ainda uma outra obras aguardada há muito tempo em outro estado nordestino.

A população de Sergipe, há mais de 50 anos aguarda essa notícia… Quarta feira vamos lançar a ordem de serviço para a licitação do canal do Xingó, e com essa obra captada em Paulo Afonso vamos permitir segurança hídrica para 2 milhões de sergipanos”, concluiu.

Com estas obras e outras mais que já estão na mira do governo, Bolsonaro foi muito além do planejado na proposta original de transposição do 'Velho Chico' e ganha 'pontos' importantes entre o povo nordestino, cansado de tanto ouvir falsas promessas de governos anteriores.

Veja o vídeo:

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

A trama macabra revelada! Documentos comprovam Brasil nos arquivos do Serviço Secreto Comunista

Sábado, 27 de Novembro de 2021

Com as seguidas ameaças o povo brasileiro está em alerta.

O regime totalitário que atinge China, Cuba, Venezuela e outros, ceifou a democracia.

O Brasil também está na mira!

Figuras como Lula, Manuela, Doria, Zé Dirceu, que veneram o regime chinês, podem estar por trás de uma trama macabra.

Na Intervenção de 1964, foi igual…

Porém, militares de pulso firme mudaram a história do Brasil e acabaram com a ameaça macabra.

Dos mais profundos calabouços da história, surgiram documentos impressionantes que comprovam que o Brasil está nos Arquivos do Serviço Secreto Comunista.

Isso mesmo, você não leu errado!

São relatórios de agentes secretos, planos de operações, recibos de pagamentos em dinheiro de colaboradores brasileiros e outras informações sobre a presença ilegal dos países comunistas no Brasil, que não só surpreendem como denunciam atividades atentatórias à segurança nacional.

Tudo isso e muito mais está no livro “1964 - O elo Perdido”.

Uma obra que estão tentando censurar!

Para comprar o livro, clique no link abaixo:

https://bibliotecaconservadora.com.br/products/1964-o-elo-perdido-o-brasil-nos-arquivos-do-servico-s...

Um investimento valioso que pode mudar a vida dos brasileiros.


Fonte: Jornal da Cidade Online

"Kim é o papel higiênico da esquerda", bate pesado Eduardo Bolsonaro

 Sábado, 27 de Novembro de 2021

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) bateu pesado em Kim Kataguiri (DEM-SP).

Segundo Eduardo, Kim é o "papel higiênico da esquerda".

Eduardo Bolsonaro se irritou pela convocação do ministro da Economia, Paulo Guedes, durante audiência na Câmara dos Deputados.

O ministro compareceu à Casa para falar sobre suas movimentações financeiras no exterior. Com uma grande diferença, Guedes era banqueiro antes de entrar no governo Bolsonaro e, portanto, um homem de posses. Ao contrario por exemplo do ex-presidente Lula que era um assalariado até entrar na presidência e saiu de lá como um multimilionário aliás além dele, seu filho e até um sobrinho vidraceiro que virou empreiteiro internacional.

Eduardo Bolsonaro referendou Guedes e disse que a maior acusação da audiência é de que ele é uma "pessoa de sucesso" e que sua convocação se trata de uma tentativa de "desgastar" o governo.

“O deputado Kim Kataguiri, eleito pelo sentimento antipetista, juntinho com o PT aqui nessa Casa, cuja principal bandeira de Kataguiri eram as políticas liberais... E depois de, sei lá, 30 anos, a gente tem um ministro liberal com poder de levar adiante suas políticas, ele vem aqui criticar o senhor.
É o famoso papel higiênico da esquerda”, disse Eduardo Bolsonaro.

Kim Kataguiri não tem densidade eleitoral para sua reeleição, mas, agarrado a Sérgio Moro, ele imagina que os 10% de intenção de votos que Moro apresenta nas pesquisas serão suficientes para eleger um deputado federal.

O problema é que Rosângela Moro, esposa do ex-juiz, ensaia candidatura à Câmara Federal em São Paulo, o que pode inviabilizar os planos de Kataguiri.


Fonte: Jornal da Cidade Online

PRF flagra esposa em motel, agride a coronhadas e atira no ‘amante’, um personal trainer

 Sábado, 27 de Novembro de 2021



Ele agrediu a mulher a coronhadas e desferiu tiros contra o ‘personal trainer’, que foi baleado na boca. O rapaz passou por uma cirurgia, ainda na noite desta sexta-feira, e terá que se submeter a uma cirurgia plástica, uma vez que o tiro atingiu a mandíbula e a estrutura óssea do rosto.

A mulher, ferida a coronhadas, estava com vários ferimentos na cabeça e no rosto e foi levada a um hospital particular.

O policial está foragido e deverá responder pelos crimes de violência doméstica e tentativa de homicídio.

Fonte: Jornal da Cidade Online

Potiguar Ítalo Ferreira concorre aos prêmios de Melhor Atleta do Ano e Atleta da Torcida; Participe da votação

 Sábado, 27 de Novembro de 2021

Foto: Jonne Roriz (COB)

O surfista potiguar Ítalo Ferreira, primeiro medalhista de ouro no Surfe na história dos jogos olímpicos, está concorrendo ao prêmio Atleta da Torcida, pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

Ítalo é um dos favoritos para conquistar o troféu, e na votação parcial está em segundo lugar, atrás da jogadora de vôlei, Fernanda Garay.

Depois de Ítalo levar o nome do Rio Grande do Norte ao topo do mundo, é hora de nós potiguares retribuirmos e levarmos o surfista a mais uma conquista, votando nele através deste link: https://pbo.cob.org.br/

O vencedor será revelado no dia 7 de dezembro. É possível votar uma vez por dia.

O potiguar também é um dos concorrentes à premiação, no masculino, como Melhor Atleta do Ano do Prêmio Brasil Olímpico 2021. Ele concorre com Hebert Conceição (boxe) e Isaquias Queiroz (canoagem velocidade).

Organizado pelo Comitê Olímpico do Brasil desde 1999, o Prêmio Brasil Olímpico chega a sua 22ª edição em um ano de recordes na participação do Time Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. A festa é considerada o Oscar do esporte brasileiro, onde os melhores atletas do país concorrem a diversos prêmios e são homenageados pela performance do ano.

OPINIÃO DOS LEITORES

Bandidos fazem arrastão em loja, levam refém para sacar dinheiro em banco mas fogem após chegada PM, em Capim Macio

 Sábado, 27 de Novembro de 2021

Foto: Sérgio Henrique Santos/Inter TV Cabugi

Pelo menos 11 pessoas entre clientes e funcionários foram vítimas de um arrastão em uma loja de cosméticos no bairro de Capim Macio, Zona Sul de Natal, na noite desta sexta-feira (26). Os criminosos levaram celulares, chaves de carros e outros pertences.

Na ação criminosa, um dos bandidos entrou no prédio enquanto um comparsa o aguardava em uma moto. Após o arrastão eles ainda fizeram uma das vítimas de refém. Ela foi levada até uma agência bancária para que retirasse dinheiro de sua conta e entregasse a eles.

Mas a tentativa foi frustrada. Policiais Militares chegaram a agência e evitaram mais uma ação dos bandidos que conseguiram fugir, porém sem levar o dinheiro.

O caso foi registrado pela vítima na Central de Flagrantes. Ela revelou que nunca havia sido assaltada antes e se mostrou bastante indignada com a insegurança. A vítima preferiu não se identificar, segundo a reportagem do g1-RN.


Fonte: Blog do BG

STF inicia votação sobre portaria que proíbe demissão de não vacinados contra a Covid-19

 Sábado, 27 de Novembro de 2021

Foto: divulgação/STF

O plenário virtual do Supremo Tribunal Federal (STF) iniciou nesta sexta-feira (26) a votação para a derrubada ou manutenção de trechos da portaria do Ministério do Trabalho e Previdência que impedia que empresas obrigassem seus empregados a tomar a vacina contra a Covid-19. O placar está 3 a 0 pela queda da medida no momento.

O relator, ministro Luís Roberto Barroso, votou a favor de sua liminar que derrubava os dispositivos da portaria. “Diante do exposto, voto pelo referendo da cautelar, a fim de suspender os dispositivos impugnados, com ressalva quanto às pessoas que têm expressa contraindicação médica, fundada no Plano Nacional de Vacinação contra Covid-19 ou em consenso científico, para as quais deve-se admitir a testagem periódica.”

Barroso foi acompanhando pelos ministros Edson Fachin e Alexandre de Moraes. O prazo para protocolar os votos termina em 3 de dezembro. Ainda faltam os pareceres do presidente Luiz Fux e dos ministros Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Nunes Marques, Cármen Lúcia, Rosa Weber e Dias Toffoli.

Entenda o caso

O Ministério do Trabalho publicou uma portaria em edição extra no Diário Oficial da União no dia 1º de novembro, proibindo que empresas exijam comprovante de vacinação no ato da contratação ou manutenção do emprego do trabalhador.

A portaria cita o artigo 7º da Constituição Federal que proíbe qualquer prática discriminatória no ato de contratação por motivos de “sexo, origem, raça, cor, estado civil, situação familiar, deficiência, reabilitação profissional, idade, entre outros”, considerando que o pedido de certificado de vacinação, bem como a demissão por justa causa motivada pela recusa, são também “segregacionistas”.

O ministro Luís Roberto Barroso decidiu, em 12 de novembro, pela suspensão de trechos da portaria do Ministério do Trabalho e Previdência que determinava que empresas não poderiam exigir comprovantes de vacinação contra a Covid-19 dos funcionários.

Barroso fez exceção para pessoas que e têm expressa contraindicação médica à vacinação, sendo que essas pessoas deverão passar por testagens periódicas.

“A Portaria MTPS nº 620/2021 proíbe o empregador de exigir documentos comprobatórios de vacinação para a contratação ou manutenção da relação de emprego, equiparando a medida a práticas discriminatórias em razão de sexo, origem, raça, entre outros. No entanto, a exigência de vacinação não é equiparável às referidas práticas, uma vez que se volta à proteção da saúde e da vida dos demais empregados e do público em geral”, diz Barroso em sua decisão.

CNN Brasil

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. Ah, o “bem comum”. O bilhete dourado de todas as ditaduras e a chave que abriu as comportas de todas as atrocidades mais cruéis no decurso da história da humanidade. Não vamos aprender nunca? É por isso que o preço da ignorância é tão alto.

Professor de curso de medicina é demitido após questionar aluna se ‘quando for estuprada vai ser no seco’

 Sábado, 27 de Novembro de 2021

Foto: reprodução

O professor de medicina do Centro Universitário Metropolitano da Amazônia (Unifamaz), que questionou uma aluna se ela gostaria de usar lubrificante quando fosse estuprada ou se preferia “no seco”, foi demitido nesta sexta-feira (26/11).

O Unifamaz publicou nota de repúdio à atitude do professor e anunciou: “Repudiamos qualquer tipo de ato de assédio contra qualquer ser humano. A Reitoria do Unifamaz informa que o docente envolvido no caso, a contar da presente data, não fará mais parte do corpo docente desta Instituição de Ensino Superior”, disse em comunicado oficial.

Nesta quinta-feira (25/11), um vídeo com a atitude do professor causou revolta na internet. As imagens registram o docente, que ensinava mulheres a fazer um processo de intubação em paciente, usando um boneco, questionando se a estudante havia lubrificado o tubo. Ela admite que não.

VEJA MAIS: VÍDEO: “Quando for estuprada vai ser no seco?”, diz professor de medicina para aluna durante aula prática

Em vez de imediatamente explicar o que deveria ser feito e prosseguir com a aula, o docente lança: “Quando a senhora for estuprada vai levar KY ou vai preferir no seco mesmo?”, disse.

Após a repercussão do caso, a aluna envolvida prestou queixa contra o docente na polícia. Ela ficou abalada e chorou muito após a aula. Por isso, a Unifamaz informou que “está sendo prestado apoio acadêmico-psicopedagógico a todas as partes envolvidas no fato ocorrido”.

O docente ainda faz parte da Universidade do Estado do Pará (Uepa), instituição também com sede na capital Belém. A universidade não demitiu o professor, mas publicou nota em suas redes:

“A respeito de um vídeo, que circula nas redes sociais e na imprensa, sobre a prática de um professor do curso de Medicina, a Uepa emite a seguinte Nota Oficial:

A Universidade do Estado do Pará (Uepa) repudia qualquer tipo de prática dessa natureza e informa que esta não representa a posição da Universidade, que se solidariza com a aluna e acompanha o caso, ocorrido em outra instituição de ensino superior. Por fim, a Uepa repassou o caso à sua Procuradoria Jurídica (Projur), que está tomando providências.” diz a nota.

O Ministério Público do Pará informou ao Metrópoles que aguarda denúncias e investigações para tomar providências sobre o caso.

Metrópoles / Blog do BG

OPINIÃO DOS LEITORES

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055