martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sábado, 17 de julho de 2021

Liberdade de Cuba: O fim do comunismo (veja o vídeo)

Sábado, 17 de Julho de 2021

Um direito chamado liberdade, tem perdido muito a identidade, vem sofrendo toda série de iniquidade, sofre com rompantes de imoralidade e muitos tem tentado subordinar esse direito, sem nenhum respeito, afirmando que a tutela é do Estado.

Com o vilipêndio da liberdade, se esvai a individualidade, a personalidade, a equidade, a moralidade, entre inúmeros outros bens da sociedade e da própria humanidade.

Esse direito fundamental, essencial para a vida, primordial para a própria existência, padece recorrentemente pela violência com que vozes progressistas avançam e vociferam, contra a sua permanência, contra a resistência de muitos indivíduos, acusando-os de inúmeros silogismos, como se alguém que defende a liberdade fosse fascista, nazista, negacionista, intervencionista e anti-pacifista.

O que se nota com a nova ocorrência, levante de sociedades oprimidas pela violência de ditaduras autodenominadas socialistas ou comunistas, sempre alternando de acordo com sua conveniência, é que a luta pela liberdade, nunca foi de tanta necessidade, vez que a fome e a doença causaram esse levante.

Em Cuba se vê a história, acontecendo diante de nossos olhos, após mais de 60 anos na memória, o povo sofrido, oprimido, reprimido e agora doente e faminto, escolhe enfrentar as armas do Estado, como a escolher além da própria sorte, a escolha de Sofia, liberdade ou morte.

Explicar a liberdade a um esquerdista convicto é como tentar falar de saúde a um adicto, sabe que faz mal, mas, não se vê vivendo sem. Não se trata de escolha ou de ideal, essência, direito ou algo intelectual, se trata única e exclusivamente de falta de entendimento entre o que é o bem e o que é o mal!

E posso ir mais além de entendimento ou interpretação, pois, tratar-se-ia de costume e predileção, a vontade e a escolha pelo simples gosto pelo inusitado, pelo sonho ideologizado, ainda que nunca comprovado, pelo contrário, seu grau de falência econômica, civil, ética e moral, à luz de toda evidencia já foi mais que corroborado.

Entrei em uma cruzada, um programa em meu canal promovendo um debate, em nome da liberdade e da democracia, primando pelo respeito e pelo bom comportamento, estendendo um convite à participação de um militante de esquerda, tentativa de uma boa argumentação, em nome de levar a boa informação, longe dos crivos e dos olhares de quem vigia a liberdade.

E quando o tema Cuba, surge na pauta, qual personagem de ribalta, o debatente esquerdista tergiversa a liberdade como se fosse qualquer fruto de uma árvore, de vários gostos, tipos e caprichos, para ao fim afirmar, que reitera o que o governo cubano reprimia a todo custo, o que a imprensa deliberadamente oblitera, que há mais de 60 anos não existe liberdade em Cuba.

O tempo demonstra a conclusão que se tem ao fim, todo esquerdista vive em uma história sem fim, uma narrativa repetitiva, uma cantilena indolente, que o embargo americano é o culpado do sofrimento do povo cubano. A tristeza que tal falácia causa, vai além de qualquer interpretação, entendimento ou cognição de mera razoabilidade, porque a bem da verdade, esta tentando a todo custo flexibilizar a própria verdade para justificar a inexistência de liberdade.

É sabido que a liberdade é o bem supremo de um povo, de uma nação, independência legitima de todo cidadão, de dispor de sua propriedade, identidade e dignidade diante do Estado e de todos os demais compatriotas. É a capacidade de ação individual, sua autodeterminação, um bem que não será tutelado por qualquer Estado ou nação, ao contrário, será defendido a todo custo pelo Estado, contra qualquer ser ou entidade que se oponha!

A liberdade, além de tudo que já foi dito, tem como princípio magno a ausência de submissão ou servidão, é o poder do exercício de livre arbítrio individual, contra qualquer determinista, progressista, esquerdista, comunista ou socialista que tergiverse esses valores essenciais a própria vida!

Queremos Cuba Livre!

Confira:

Relator da PEC do voto auditável entrevista hacker que invadiu sistema do TSE em 2020: “É fácil invadir de novo” (veja o vídeo)

 Sábado, 17 de Julho de 2021

O relator da PEC 135/19 do voto eletrônico impresso auditável, deputado federal Filipe Barros, cumpriu a promessa e publicou um vídeo em que entrevista o hacker Marcos Roberto Correia da Silva, preso em Uberlândia-MG, após ter invadido o sistema do Tribunal Superior Tribunal Eleitoral, durante as apurações do votos das eleições municipais, em 2020.

A conversa foi realizada com o objetivo de mostrar o modus operandi de Marcos Rogério e de outros hackers que roubam dados de diversos órgãos e empresas e colocam em risco também o sistema eleitoral.

O hacker relata uma série de falhas que são facilmente exploradas, desmente afirmações das próprias autoridades eleitorais sobre a invulnerabilidade das urnas e diz que poderia invadir novamente o sistema, com tranquilidade.

Marcos Roberto explica ainda que não é verdade que as urnas não fiquem ligadas à internet, sendo necessário a utilização da rede quando da transmissão dos dados de todo o país para Brasília, onde está centralizada a apuração do processo, por decisão do ministro do Supremo, Luís Roberto Barroso, atual presidente do TSE.

As informações são realmente assustadoras e mostram como as eleições podem ser facilmente fraudadas e influenciadas até mesmo por ataques provenientes de outros países.

Assista a entrevista completa, pois vale a pena … Como diz o deputado Filipe Barros, é realmente uma bomba!

Veja o vídeo:

Voto auditável fica para 5 de agosto e esquerdopatas estão à beira de um ataque de nervos

Sábado, 17 de Julho de 2021

“Em acordo com os membros da Comissão da PEC 135, tanto de oposição quanto de situação, firmamos que votaremos o parecer no dia 05/08, impreterivelmente. É o meu compromisso".

Com este tuíte, o deputado federal Paulo Eduardo Martins, presidente da comissão especial que analisa a PEC do voto impresso, colocou um ponto final na guerra que foi travada nesta sexta-feira (16), quando parlamentares de oposição unidos a outros de legendas independentes e mesmo alguns do centrão (em ato de traição ao governo), tentaram ‘tratorar’ a votação e enterrar a proposta, definitivamente.

Os governistas, entretanto, souberam utilizar o regimento com destreza, e coube ao relator da proposta, deputado Filipe Barros, apresentar a alternativa que não poderia ser contestada.

Art. 57, XI, Regimento Interno da Câmara dos Deputados: Se ao voto do relator forem sugeridas alterações, com as quais ele concorde, ser-lhe-á concedido prazo até a reunião seguinte para redação do novo texto. - Sessão do voto impresso adiada. - É um direito do relator.

A esquerda, na realidade, queria encerrar o assunto para fugir da “mega manifestação em favor do voto auditável”, programada para o próximo dia 1º de agosto, que promete levar milhões de brasileiros patriotas às ruas, em centenas de cidades de todo país.

Nesse intervalo de tempo, também está programada a divulgação de diversas entrevistas com especialistas, que irão comprovar a vulnerabilidade das urnas eletrônicas se utilizadas na forma atual.

Serão, portanto, pouco mais de 15 dias de pressão popular, período em que os esquerdopatas devem ficar à beira de um ataque de nervos, quando virem, nas ruas, que o povo quer, sim, o voto auditável.

E se insistirem em peitar a maioria, nem na fraude irão conseguir levar em 2022.


Fonte: Jornal da Cidade Online

A bela ex-primeira dama e a temporada no xilindró...

 Sábado, 17 de Julho de 2021

O Brasil é de um escândalo interminável, que só denigre a imagem da nação.

Como se pode combater a miséria dos desassistidos se o dinheiro do Erário vai alimentar os políticos, esposas e familiares?

Pois bem, Nejmi Aziz, ex-primeira dama do Amazonas, esposa do senador Omar Aziz (PSD-AM) passou duas noites na prisão, investigada por corrupção passiva no desdobramento da Operação Vertex, que investiga o desvio de 140 milhões de reais do Sistema Único de Saúde do Amazonas, tendo como beneficiário o senador Omar Aziz, segundo reportagem.

Por isso, fajutos políticos desfrutam de milionário patrimônio e vão para a política apenas para tirar vantagem da coisa pública. Trata-se de cambada de biltres, sanguessugas da nação.

Se este país fosse sério e tivesse um STF não político e de ministros imparciais, elementos corruptos travestidos de políticos deveriam ser imediatamente presos e impedidos de voltar à vida política.

Enquanto isso, não fosse a generosidade de profissionais da saúde, custeando as suas próprias despesas, muitos brasileiros da floresta amazônica, desprezados pelo poder público e pelos políticos, que só aparecem para pedir votos em época de eleição, jamais teriam atendimento médico, como foi abordado pela reportagem da revista Veja, de 31/07/2019, focalizando o hospital flutuante – o barco do projeto Doutores das Águas – que passa vinte dias percorrendo rios e igarapés da Amazônia para levar assistência a brasileiros esquecidos por políticos e governos, que só sabem surrupiar o Erário.

Fonte: Jornal da Cidade Online 

Paulo Guedes critica Argentina e faz alerta importante: "Está seguindo o mesmo caminho da Venezuela"

 Sábado, 17 de Julho de 2021

No decorrer desta semana, o ministro da Economia, Paulo Guedes, criticou a Argentina pelo posicionamento no Mercosul.

Guedes chegou a afirmar, durante transmissão do ‘Valor Econômico’, que o país estaria seguindo o mesmo caminho que a Venezuela, tentando impedir a modernização do bloco.

O ministro declarou ainda que, se pudesse, reduziria unilateralmente as alíquotas de exportação usadas pelos integrantes do bloco no comércio com terceiros mercados, a Tarifa Externa Comum (TEC), mesmo sem a aprovação da Argentina:

“Gostaria de fazer isso em uma semana e unilateralmente, se for o caso, mas não podemos deixar que o Mercosul se transforme num fator de atraso. A Argentina está indo para um caminho que não apreciamos, que é um caminho que a Venezuela já foi e não queremos seguir”, apontou ele.

A insatisfação de Guedes com o país vizinho se deve ao fato da Argentina ter rejeitado a proposta do Brasil para redução da TEC em 20%, com a primeira redução de 10% agora e o restante até o final do ano. Na apresentação da proposta, o governo brasileiro recebeu o apoio do Uruguai, e o Paraguai ficou ‘em cima do muro’.

Pelas regras do Mercosul, as mudanças no bloco só podem ser feitas se houver consenso entre os quatro membros.

Fonte: Jornal da Cidade Online

FOTOS: Assaltante morre após tentar roubar carro de policial militar no Barro Vermelho

Sábado, 17 de Julho de 2021

Imagens: cedidas

Um assaltante morreu e outros três fugiram após uma tentativa de assalto a um policial militar neste sábado (17), no Barro Vermelho, em Natal.

Segundo relato de moradores, dois elementos teriam abordado um policial que estava em seu veículo e o militar conseguiu reagir, atirando contra um deles que tentou escapar, mas acabou caindo morto a cerca de 15m do local da tentativa de assalto, ao lado a arma que portava. Moradores disseram ter ouvido sete disparos de arma de fogo.

Um comparsa e outros dois indivíduos que participavam da ação criminosa conseguiram fugir em outro automóvel no qual estavam. Minutos após o ocorrido, moradores da região, curiosos, observavam o corpo no chão. Em seguida, chegaram ao local viaturas da PM e do SAMU.

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. Muito triste a Juventude morrendo a troco de nada..
    Mais um jovem…mais um negro que ae vai!!!
    Precisamos de políticas públicas que tirem os jovens da marginalidade!

  2. Uma medalha pro Policial.
    Tem que botar pra fuder.
    Ffp…
    Queria tomar o suor do policial.
    Vai tomar no inferno vagabundo.
    Não fez nada pra comprar o carro e queria ser dono.
    Parabéns ao policial.
    Show!!!

  3. Parabéns ao glorioso PM! Mais um CPF de uma alma sebosa cancelado! Bandido bom é bandido morto!

Argentina abre processo de licitação para compra de 10 mil pênis de madeira polida

 Sábado, 17 de Julho de 2021

Edifício do Ministério da Saúde da Argentina, em Buenos Aires| Foto: BigStock

O Ministério da Saúde da Argentina abriu uma licitação para a compra de 10 mil pênis de madeira polida para serem utilizados em campanhas de saúde e prevenção das Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), noticia o jornal La Nación (veja aqui).

O processo de compra, porém, gerou muita crítica no país pelo fato de ter sido feito em um momento de pandemia de Covid-19. A aquisição dos itens, que inclui também maletas e dispensers de preservativos, foi autorizada por um valor total estimado de 13 milhões de pesos, ou cerca de R$ 690 mil.

Ainda de acordo com o jornal argentino La Nación, três empresas se candidataram para entregar os itens de madeira. Dois participantes da licitação indicaram que os produtos são importados e um que é de produção nacional. As ofertas variam de 498 pesos (R$ 26,49) a 1.430 pesos (R$ 76,08), por unidade, no caso das importadas, e no meio está a de produção nacional, que sairia por 882 pesos (R$ 46,92).

A secretária de Acesso à Saúde do governo argentino, Sandra Marcela Tirado, indicou através de uma resolução, com data de 24 de junho, que a compra dos insumos “permitirá assegurar uma ampla disponibilidade de materiais de promoção cuja finalidade seja conscientizar e evitar a propagação de enfermidades de transmissão sexual”.

Os detalhes da compra aparecem no Portal de Compras Públicas da Argentina. Segundo os dados, trata-se da aquisição de 10 mil maletas de propileno de cor turquesa; 10 mil dispensers de preservativos; e 10 mil unidades de pênis de madeira polida.

Questionado pelo La Nación, o Ministério da Saúde argentino afirmou que fundamentado em “estudos preliminares que revelam uma deterioração nos indicadores relacionados às doenças sexualmente transmissíveis durante a pandemia”, a pasta decidiu abrir o processo de aquisição dos itens.

– A situação atual em nosso país em relação à transmissão de doenças sexualmente transmissíveis, como a sífilis, mostra um aumento dos diagnósticos, principalmente nos casos de adolescentes e jovens. Tudo isso determina a necessidade de políticas de prevenção em Saúde Sexual – afirmou o comunicado.

Com informações de Pleno News e La Nación

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. A direita que se cuide!!! Kkkk imaginem onde a esquerda pretende enfiar estes souvenirs? Kkkk só dos dos comentários a questào é de saúde pública, e nâo de putaria!

  2. O NEGOCIO TÁ FICANDO ESTRANHO NOS PAISES DE ESQUERDA (SOCIALISTA). 10 MIL PÊNIS ? ESTRANHO. VAI QUE A MODA PEGA.

  3. Esquerdopatas idiotas!!!
    Kkkkkkkkkkkkk
    É não ter o que fazerem.
    Bando de jumentos batizados, isso sim.
    Pelo andar da carruagem, Bolsonaro vai ser presidente lá!!!
    Ou falta de governo da gota serena.
    É imoral uma coisas dessas.
    PQP…

  4. Povo argentino: Estamos com FOME!!!

    Governo de Esquerda: Pera que temos um negocinho pra você!

    Kkkkkkkkkkkkk

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055