martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

terça-feira, 17 de janeiro de 2023

Sindicatos patronais põem filho de José Alencar para fora da Fiesp

 Terça, 17 de Janeiro de 2023

Ele foi derrotado por 47 votos a 1, com duas abstenções. 

Surpreendido pelo resultado avassalador, o empresário -filho de José Alencar, vice-presidente nos dois primeiros mandatos de Lula - encerrou a assembleia antes do fim.

A votação ainda terá de ser registrada em cartório, mas Josué vai recorrer da decisão, segundo interlocutores do empresário.

Porém, o fato é que Josué não tem mais condições de continuar na presidência da entidade.

O Estadão esclareceu que foi ele próprio quem convocou a reunião, na qual pretendia sair fortalecido:

“O encontro desta segunda foi definido pelo próprio Josué em dezembro, como uma resposta a um grupo de sindicatos patronais que havia marcado uma assembleia com o objetivo de tirá-lo do cargo. O executivo foi questionado em 16 pontos sobre suas viagens e reuniões realizadas em Brasília, além do manifesto em favor da democracia divulgado pela Fiesp, sem o consentimento de toda a entidade, entre outros temas”.

Parte da Fiesp enxergou no tal manifesto a favor da democracia como uma afronta da entidade ao governo Jair Bolsonaro (PL).

Antes da destituição, Josué ainda tentou se explicar, mas obteve rejeição dos delegados presentes: 62 votos contra 24.

O vice-presidente mais velho deve assumir o comando da Fiesp até uma nova eleição. Os nomes mais cotados para comandar a entidade são os de Rafael Cervone Netto, Dan Ioschpe e Marcelo Campos Ometto.

O ocorrido é inédito na história da Fiesp.

É muita incompetência.

Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9 9151-0643

Contato : (84) 9 9151-0643