martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

quinta-feira, 20 de maio de 2021

O "tiro no pé" que virou a CPI da Covid: Tentaram derrubar o presidente e sairão derrotados...

 Quinta, 20 de Maio de 2021

Senador Girão deixou claro para os jornalistas que é unânime entre os parlamentares a noção de que NÃO FALTOU DINHEIRO POR PARTE DO GOVERNO FEDERAL.

Falou também que o relator da CPI, Renan Calheiros, está resistente à convocação de agentes da Polícia Federal e que ao contrário do que diz o relator, há precedentes para tal convocação, portanto, irá insistir para que a Polícia Federal participe da CPI e explique o que encontrou nas mais de 60 operações que investigam o mau uso das verbas federais, por parte de governadores e prefeitos.

Em minha análise, as três primeiras semanas de CPI foram para fechar o cerco ao entorno do Presidente da República, numa evidente tentativa de espremer ex-ministros e secretários, ameaçando-os com ordens de prisão e pressões emocionais por "estarem abandonados pelo governo", esperando que entregassem Jair Bolsonaro numa bandeja.

Sem conseguir alcançar o objetivo, os senadores devem provar que a CPI foi proposta para investigar erros e punir culpados, para isso, deverão apontar seus canhões aos Estados e Municípios, ou sairão desmoralizados perante o eleitorado.

As próximas semanas trarão representantes do Estado do Amazonas e a pedido do Senador Marcos Rogério do DEM de Rondônia, provavelmente trarão o Governador amazonense; esse será o início dos embates que a população brasileira quer assistir, senadores farejando o rastro da verba pública que saiu dos cofres de Brasília e não chegou aos hospitais para salvar vidas.

No mais, houve desgaste do governo com depoimentos de seus ex-agentes e também houve implicações pessoais, como do ex-SECOM, Fábio Wajngarten, que terá sigilo quebrado e pode ser responsabilizado por mentir na CPI, justamente porque não deu aos opositores do governo o mesmo discurso tresloucado que deu à revista.

Particularmente, não costumo subestimar a inteligência de parlamentares eleitos, portanto, imagino que os Senadores devem estar cientes que após a força tarefa para incriminar o governo, deveriam cumprir o papel de punir os verdadeiros culpados. Eles devem saber o que fazem e devem estar preparados para as consequências, caso deixem passar a corrupção que ajudou a matar milhares de pessoas de Covid.


Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055