martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

domingo, 28 de agosto de 2022

Justiça pode barrar candidatura de "Lindinho"

 Domingo, 28 de Agosto de 2022

O Ministério Público Eleitoral (MPE) vai tentar barrar o ‘verdadeiro trem da alegria’ que se formou de candidatos com problemas na justiça, desde que Lula foi beneficiado com um absurdo casuísmo jurídico.

O MPE pediu a impugnação do registro de sete candidaturas na última terça-feira (23). Esse conjunto se refere a três políticos com candidaturas a deputado federal e quatro candidaturas para a Assembleia Legislativa (Alerj).

Uma delas é de Glaidson Acácio dos Santos, o Faraó dos Bitcoins, que é candidato a Deputado Federal e está preso atualmente por suspeita de pirâmide financeira. 

O patrimônio de Glaidson, de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, é estimado em R$ 60 milhões.

O MP Eleitoral questionou e pediu a impugnação do registro da candidatura de outros seis candidatos. Os pedidos foram feitos com base na lei da Ficha Limpa e também na Constituição.

Entre eles, estão o ex-senador e ex-prefeito de Nova Iguaçu e atual vereador do RJ, Lindbergh Farias, e o ex-prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva.

Lindergh, conhecido pelo apelido de ‘Lindinho’ na lista de propina da empreiteira Odebrecht, deve ficar novamente sem mandato.

Veja a lista:

Lindbergh Farias (PT)
Samuca Silva (União)
Deputado Estadual:
Milton Rangel (Patriota)
Wallace Anabal (Agir)
Amaral (Agir)
Egger (DC)


Fonte: Jornal da Cidade Online 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055