martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2022

O vilipêndio a fé cristã e a insanidade criminosa da militância 'esquerdopata'

 Quinta, 10 de Fevereiro de 2022

Não foi apenas uma invasão a um templo Católico, foi um vilipêndio a fé cristã praticado pelo Vereador Renato Freitas do partido dos trabalhadores de Curitiba.

Não foi uma ação impensada, como algum desavisado pode tentar demonstrar.

O vereador Renato Freitas é graduado e mestre em Direito pela Universidade Federal do Paraná - UFPR. Pesquisador na área de Direito Penal, Criminologia e Sociologia da Violência, ele já trabalhou na Defensoria Pública do Estado do Paraná e atuava como professor universitário e advogado popular. Como descreve o site da Câmara de Vereadores de Curitiba.

Conclui-se de pronto que ele sabia o que estava fazendo.

Pior, na ânsia de agredir Bolsonaro e seus apoiadores, responsabilizando o governo federal pela morte do congolês Moise, ocorrida no Rio de Janeiro dias antes, a turba sob a liderança do vereador invadiu um templo católico em Curitiba no momento de uma celebração religiosa cristã, chamando cristãos de fascistas e nazistas, sob a desculpa de estarem fazendo um ato contra o “racismo estrutural” (???).

O Vereador sabia o que estava fazendo. Foi uma ação deliberada. Foi uma ação do partido dos trabalhadores contra os cristãos brasileiros, contra cristãos evangélicos, contra cristãos católicos e contra cristãos espíritas.

O vereador, um advogado, um professor de direito. Um pesquisador da área da criminologia, da sociologia da violência. Sim, ele sabia o que estava fazendo.

A nota emitida pela Arquidiocese de Curitiba foi direta:

“...Infelizmente, o que houve no último sábado foram agressividades e ofensas. É fácil ver quem as estimulou.
A posição da Arquidiocese de Curitiba é de repúdio ante a profanação injuriosa. Também a Lei e a livre cidadania foram agredidas.”

Mas quem é o profanador injurioso? 

Henrique Alves da Rocha. Coronel PM/SE


Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055