martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

quinta-feira, 13 de janeiro de 2022

Escândalos, escândalos e mais escândalos!

 Quinta, 13 de Janeiro de 2022

“O que me preocupa não é nem o grito dos corruptos, dos violentos, dos desonestos, dos sem caráter, dos sem ética... O que me preocupa é o silêncio dos bons”. (Martin Luther King).

Compare. Compare sem pena e nem dó.

Ou, se quiser sinta vergonha. Ou raiva. Ou fique incrédulo, lendo o que fez o PT junto com os comunas/socialistas/trotskistas, junto com deputados, empresários, senadores, quando todos “mamavam” sem parar nas tetas do governo e afirmavam, todos os dias, através dos meios de comunicação, que este é o Brasil que você sonhou! O Brasil socialista. O Brasil do MST. O Brasil dos “artistas” que cantam em prosa e verso a ideologia marxista. Não!

Aquele era o Brasil que “eles” sonharam, não o que o povo brasileiro sonhou.

Acredite se quiser, mas estes mesmos sujeitos, sim, os mesmos dos esquemas de corrupção, caixa dois, compra de votos, troca de favores, da promiscuidade com empresariado, os mesmos que fizeram tudo isso que você vai ler aí abaixo se apresentam agora como “salvadores da nação”.

No olho do furacão, durante os governos Lula e Dilma, foram protagonizados escândalos e mais escândalos e eles serão expostos em dezenas, para não cansar muito o leitor:

Primeira dezena de escândalos:

01-Escândalo do Petrolão; 02-Caso Celso Daniel; 03-Caso Toninho do PT; 04-Escândalo dos Grampos; 05-Contra Políticos da Bahia; 06-Escândalo do Propinoduto (também conhecido como Caso Rodrigo Silveirinha); CPI do Banestado; 07-Escândalo da Suposta Ligação do PT com o MST; 08-Escândalo da Suposta Ligação do PT com a FARC; 09-Escândalo dos Gastos Públicos dos Ministros; 10-Irregularidades do Fome Zero; Escândalo do DNIT (envolvendo os ministros Anderson Adauto e Sérgio Pimentel).

Segunda dezena de escândalos:

11-Escândalo do Ministério do Trabalho; Licitação Para a Compra de Gêneros Básicos; 12-Caso Agnelo Queiroz (O ministro recebeu diárias do COB para os Jogos Panamericanos); 13-Escândalo do Ministério dos Esportes (Uso da estrutura do ministério para organizar a festa de aniversário do ministro Agnelo Queiroz); 14-Operação Anaconda; Escândalo dos Gafanhotos (ou Máfia dos Gafanhotos); 15-Caso José Eduardo Dutra; Escândalo dos Frangos (em Roraima); 16-Várias Aberturas de Licitações da Presidência da República Para a Compra de Artigos de Luxo; 17-Escândalo da Norospar (Associação Beneficente de Saúde do Noroeste do Paraná); 18-Expulsão dos Políticos do PT; 19-Escândalo dos Bingos (Primeira grave crise política do governo Lula) (ou Caso Waldomiro Diniz); 20-Lei de Responsabilidade Fiscal (Recuos do governo federal da LRF).

Terceira dezena de escândalos:

21-Escândalo da ONG Ágora; 22-Escândalo dos Copos (Licitação do Governo Federal para a compra de 600 copos de cristal para vinho, champagne, licor e whisky); 23-Caso Henrique Meirelles; 24-Caso Luiz Augusto Candiota (Diretor de Política Monetária do BC, é acusado de movimentar as contas no exterior e demitido por não explicar a movimentação); 25-Caso Cássio Casseb; 26-Caso Kroll; 27-Conselho Federal de Jornalismo; 28-Escândalo dos Vampiros; 29-Escândalo das Fotos de Herzog; 30-Uso dos Assessores dos Ministérios em Campanha Eleitoral de 2004.

Quarta dezena de escândalos:

31-Escândalo do PTB (Oferecimento do PT para ter apoio do PTB em troca de cargos, material de campanha e R$ 150 mil reais a cada deputado); 32-Caso Antônio Celso Cipriani; Irregularidades na Bolsa-Escola; 33-Caso Flamarion Portela; 34-Escândalo de Cartões de Crédito Corporativos da Presidência; 35-Irregularidades do Programa Restaurante Popular (Projeto de restaurantes populares beneficia prefeituras administradas pelo PT); 36-Abuso de Medidas Provisórias no 1º mandato de Lula (mais de 300); 37-Escândalo dos Correios (Segunda grave crise política do governo Lula. Também conhecido como Caso Maurício Marinho); 38-Escândalo do IRB (Escândalo da Novadata); 39-Escândalo da Usina de Itaipu; 40-Escândalo das Furnas.

Quinta dezena de escândalos:

41-Escândalo do Mensalão (Terceira grave crise política do governo. Também conhecido como Mensalão); 42-Escândalo do Leão & Leão (República de Ribeirão Preto ou Máfia do Lixo ou Caso Leão & Leão); 43-Escândalo da Secom; 44-Esquema de Corrupção no Diretório Nacional do PT; 45-Escândalo do Valerioduto; 46-Escândalo do Brasil Telecom (também conhecido como Escândalo do Portugal Telecom ou Escândalo da Itália Telecom); 47-Escândalo da CPEM; 48-Escândalo da SEBRAE (ou Caso Paulo Okamotto); 49-Caso Marka/FonteCindam; 50-Escândalo dos Dólares na Cueca.

Sexta dezena de escândalos:

51-Escândalo do Banco Santos; 52-Escândalo Daniel Dantas – Grupo Opportunity (ou Caso Daniel Dantas); 53-Escândalo da Interbrazil; 54-Caso Toninho da Barcelona; 55-Escândalo da Gamecorp-Telemar (ou Caso Lulinha); 56-Caso dos Dólares de Cuba; 57-Doação de Terninhos da Marísia da Silva (esposa do presidente Lula); 58-Escândalo da Nossa Caixa; 59-Escândalo da Quebra do Sigilo Bancário do Caseiro Francenildo (Quarta grave crise política do governo Lula. Também conhecido como Caso Francenildo Santos Costa); 60-Escândalo das Cartilhas do PT. Escândalo do Banco BMG (Empréstimos para aposentados).

Sétima dezena de escândalos:

61-Escândalo do Proer; 62-Escândalo dos Fundos de Pensão; 63-Escândalo dos Grampos na Abin; 64-Escândalo do Foro de São Paulo; 65-Esquema do Plano Safra Legal (Máfia dos Cupins); 66-Escândalo do Mensalinho; 67-Escândalo das Vendas de Madeira da Amazônia (ou Escândalo Ministério do Meio Ambiente); 68-Escândalo de Corrupção dos Ministros no Governo Lula; 69-Crise da Varig; 70-Escândalo das Sanguessugas (Quinta grave crise política do governo Lula. Inicialmente conhecida como Operação Sanguessuga e Escândalo das Ambulâncias).

Oitava dezena de escândalos:

71-Escândalo dos Gastos de Combustíveis dos Deputados; 72-CPI da Imigração Ilegal; 73-CPI do Tráfico de Armas; 74-Escândalo da Suposta Ligação do PT com o PCC; 75-Escândalo da Suposta Ligação do PT com o MLST; 76-Operação Confraria; 77-Operação Dominó; 78-Operação Saúva; 79-Escândalo do Vazamento de Informações da Operação Mão-de-Obra; 80-Escândalo dos Funcionários Federais Empregados (que não trabalhavam).

Nona dezena de escândalos:

81-Mensalinho nas Prefeituras do Estado de São Paulo; 82-Escândalo dos Grampos no TSE; 83-Escândalo do Dossiê (Sexta grave crise política do governo Lula); 84-ONG Unitrabalho; 85-Escândalo dos Fiscais do IBAMA do Rio de Janeiro; 86-Caso Pinheiro Landim; 87-Crise no Setor Aéreo; 88-Caso Rosemary; 89-Operação Hurricane (também conhecida Operação Furacão); 90-Operação Navalha.

Décima dezena de escândalos:

91-Operação Xeque-Mate; 92-Operação Moeda Verde; 93-Caso Renan Calheiros; 94-Operação Sétimo Céu; 95-Operação Hurricane II (também conhecida Operação Furacão II); 96-Caso Joaquim Roriz (ou Operação Aquarela); 97-Operação Hurricane III (também conhecida Operação Furacão III); 98-Operação Águas Profundas (também conhecida como Caso Petrobras); 99-Escândalo do Corinthians (ou caso MSI). 100-Escândalo na Copa do Mundo 2014 (O PT isentou a Fifa de pagamento de impostos, aproximadamente 1,1 bilhão).

Cansados de tanta safadeza, de tanto roubo, os brasileiros, contra todas as previsões, contra todos os institutos de pesquisa, elegeram Bolsonaro.

Imediatamente todos os “mamadores das tetas suculentas” da nação se uniram para tentar depor Bolsonaro e o acusam de tudo: Bolsonaro é culpado pela pandemia, pelo vírus desconhecido, pelas mortes causadas pelo vírus, pelo fogo na Amazônia.

Além disso, dizem eles, o Brasil se tornou um pária no mundo, ninguém quer fazer negócios com o Brasil, os brasileiros são escorraçados em toda parte e o Brasil é o pior país do mundo sob o governo Bolsonaro, mas nenhum crítico-comuna-socialista-trotskista quer ir pra Cuba, Venezuela ou Coréia do Norte, nem mesmo os que desejam a morte de Bolsonaro.

Agora leiam os maiores escândalos do Governo Bolsonaro divulgados nos jornais, nos rádios, nas televisões, nas revistas e compare com os escândalos que você leu acima. Veja como são cretinos:

1. Bolsonaro fez uma Live e bebeu leite.
2. Bolsonaro foi a padaria comprar pão e os brasileiros que também compravam pão o abraçaram.
3. Bolsonaro tomou sopa sem máscara, (talvez porque estava difícil tomar com máscara).
4. Bolsonaro mostrou uma caixa de cloroquina para uma ema nos jardins do palácio.
5. Bolsonaro pediu que ninguém agisse como ditador na pandemia e deu exemplo.
6. Aonde vai Bolsonaro é recebido por multidões que o aplaudem.
7. Bolsonaro fez “motociata” com milhares de apoiadores e estava sem capacete em uma via que não havia sido inaugurada.
8. Bolsonaro fez uma viagem internacional aos EUA e comeu pizza no meio da rua em Nova Iorque.
9. Bolsonaro comprou vacina, mas é contra vacina; é contra ciência, apesar de tomar remédios todos os dias por causa do ferimento da facada que não sarou; Bolsonaro é ditador, mas não prendeu ninguém e é a favor da liberdade!

Que escândalos terríveis! O mundo realmente está chocado com Bolsonaro!

Vamos mostrar aos ladrões que temos vergonha de todos eles, de todos os seus malfeitos; vergonha por eles se apresentarem novamente para dirigir a nação; vergonha por eles estarem livres, quando deveriam estar cumprindo pena na cadeia pelos crimes que cometeram.

Vamos eleger Bolsonaro no 1º turno das eleições de 2022.

Vamos renovar toda câmara federal e mandar para as calendas os 513 deputados federais que desonraram a nação.

Vamos renovar o senado e mandar para casa os 27 senadores que se comprometeram com os desmandos do STF.

Vamos renovar os governadores de todos os Estados brasileiros que se comportaram como ditadores e oprimiram o povo.

Estamos ansiosos pelas eleições e lutaremos até a derrota final dos “canhotas-comunas-socialistas-trotskistas” brasileiros.

Leia mais sobre o assunto em:

https://afeexplicada.wordpress.com/2014/10/08/100-escandalos-de-corrupcao-do-governo-do-pt/

https://noticias.r7.com/brasil/governo-do-pt-se-resume-em-4880-dias-de-escandalos-e-corrupcao-que-somam-mais-de-r-47-bilhoes-13052016

https://www.noticiasagricolas.com.br/fala-produtor/mensagem-35456/

https://istoe.com.br/um-sindicato-crime/

https://www.recantodasletras.com.br/artigos-de-politica/6462805

Foto de Carlos Sampaio

Carlos Sampaio

Professor. Pós-graduação em “Língua Portuguesa com Ênfase em Produção Textual”. Universidade Federal do Amazonas (UFAM)

Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055