martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

segunda-feira, 25 de abril de 2022

“A esquerda tem culpa pelo aumento da criminalidade”, afirma jornalista investigativo (veja o vídeo)

Segunda, 25 de Abril de 2022

Em entrevista esclarecedora à TV JCO, o jornalista David Ágape detonou aqueles que defendem os bandidos:

“De fato, a esquerda tem uma parcela de culpa muito grande pelo aumento da criminalidade, principalmente por conta da bandidolatria, com essa ideia de que o criminoso é vítima da sociedade”, ressaltou.

Ágape não poupou os colegas da imprensa, lembrando do caso da jornalista Maria Beltrão, da GloboNews, para quem não há problema se o criminoso portar um fuzil, mas estiver de costas...

“Não existe lógica no assalto, existe a lógica do crime. Maria Beltrão, com todo respeito, não faz ideia do que está falando. Ela não entende nada de armamento, nem nada de segurança pública. Dificilmente algo para um fuzil, colete não segura tiro de fuzil. 

Enquanto isso, o cidadão de bem está impedido de se defender, o que é absurdo, pensando que estamos em um país onde os bandidos têm fuzis, granadas, bazucas... Dentro da sua casa, a única coisa que você tem é um cadeado e o telefone da polícia, que vai chegar em meia hora. Quando a polícia chegar, você já era! 
Você está preso nesse país, não estamos seguros em lugar nenhum. A gente tem que contar com a proteção divina”, detonou o jornalista, que já trabalhou para a Gazeta do Povo e Revista Oeste. 

“A esquerda prende as pessoas politicamente”

Ágape criticou ainda a esquerda por usar as chamadas ‘minorias’ como massa de manobra:

“A esquerda pega problemas reais e perverte para prender essas pessoas politicamente. Já vi vários ativistas de esquerda dizendo que: ‘Se você é negro, tem que votar no Lula’. 
Aí quem vota no Bolsonaro está maluco. Nem sempre as pessoas acreditam em  tudo, mas a esquerda não deixa, aí tem o ‘cancelamento’...”, ressaltou. 

Confira:

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055