martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

quinta-feira, 25 de novembro de 2021

A origem do abominável sentimento de vingança que tomou por completo o general Santos Cruz

 Quinta, 25 de Novembro de 2021

O general Carlos Alberto dos Santos Cruz tem uma história respeitável no Exército Brasileiro.

Ingressou no governo Bolsonaro com fama de linha dura para ocupar o cargo de ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República.

Até então tinha a plena confiança do presidente da República. Estranhamente, durou pouco menos de seis meses no cargo.

Teve um sério desentendimento com Bolsonaro, saiu atirando e tornou-se um inimigo ferrenho do atual governo.

Presentemente, percebe-se em seu olhar o desejo de vingança.

Santos Cruz nutre verdadeiro ódio pelo presidente Bolsonaro. Algo que parece inexplicável.

Pois bem, um militar, coronel do Exército Brasileiro, na condição de anonimato, deu a verdadeira explicação, absolutamente convincente, sobre o que de fato aconteceu, de onde vem tanto ódio, o que se passa na cabeça do general e o motivo de sua sede de vingança.

Eis o relato:

“O General Santos Cruz é um político frustrado e quer se vingar.
Foi para a área política na Presidência da República, mas chegou lá com a cabeça de milico.
Quis mandar no Capitão por não concordar com as orientações e procurou fazer as coisas que lhe vinham na cabeça … por ser mais antigo.
'Tomou pau' e começou a alimentar a sua sede de vingança.
Não esfriou nem o 'rabo' e já começou a tramar a sua 'volta para dar o troco'.
Daí, perdeu a serenidade, a ética e o bom senso. Ele é sim um 'melancia' e se abraçará com o diabo para se vingar do Capitão que ousou dar ordens e demitir o laureado General do Congo. Com certeza isso o deixará um ser humano lamentável. Nem seus pares nem os interesses do povo brasileiro importa mais para ele. Só a vinganca o interessa. Triste fim terá.”

Gonçalo Mendes Neto. Jornalista.

Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055